Clique e assine por apenas 6,90/mês

Ônibus voltarão a circular em menor quantidade durante o dia

Medida adotada pela SPTrans tem como objetivo garantir que a frota consiga trafegar no horário de pico, devido à greve dos caminhoneiros

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 25 May 2018, 11h35 - Publicado em 25 May 2018, 11h33

Assim como já havia feito na quinta (24), a São Paulo Transporte (SPTrans) autorizou as empresas de ônibus a rodar com 40% da frota no horário de entrepico desta sexta.

Segundo a prefeitura, a medida é necessária para garantir que a frota esteja operacional no fim da tarde e noite. Em virtude da greve nacional dos caminhoneiros, que afeta o abastecimento de combustível para o sistema municipal de transporte, as empresas estão com baixo estoque de óleo diesel. A frota de trólebus está 100% operacional.

De acordo com nota emitida pela administração municipal, ficou acertado que a CPTM e o Metrô vão manter 100% de suas frotas em operação no período de entrepico para compensar a ausência de parte dos ônibus.

O rodízio municipal de veículos está suspenso durante todo o dia.

Publicidade