Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Ônibus estão sendo retirados das ruas no começo desta tarde, diz sindicato

A estratégia é economizar combustível para que a frota volte a operar a noite no horário de pico

Por Adriana Farias 24 Maio 2018, 13h34

O Sindicato dos Motoristas de Ônibus informou que no começo da tarde desta quinta-feira (24) iniciou a retirada das ruas de 40% de sua frota por conta da falta de combustível acarreta com à greve dos caminhoneiros que já chega a seu quarto dia.

A estratégia das companhias, tomada em conjunto com a prefeitura, é que agindo dessa forma é possível economizar combustível para que no fim do dia os veículos voltem a operar para atender a população no horário de pico.

As áreas mais afetadas com recolhimento de ônibus são:

Zona Norte: Vila Nova Cachoeirinha; Pirituba, Perus, Morro Doce;

Zona Leste: São Miguel, Cidade AE Carvalho, Ponte Rasa, Cidade Patriarca, Guaianases;

Zona Sul: Varginha, Grajaú, Parelheiros;

Zona Oeste: Morumbi e Butantã.

Continua após a publicidade
Publicidade