Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Mulher mata marido com dois tiros durante briga na Zona Leste

Após disparar contra o marido, Vanessa Rejis acionou a polícia militar; ela está detida

Por Andreza Monteiro Atualizado em 27 dez 2016, 15h01 - Publicado em 3 nov 2016, 10h35

Um homem foi morto a tiros pela mulher durante uma briga na madrugada desta quinta-feira (3), no Parque São Lucas, na Zona Leste da capital. Ele já havia sido preso por violência doméstica em junho, mas foi solto após expedição de habeas corpus pela Justiça. O casal tem um filho de 14 anos. 

Segundo a Polícia Civil, a analista Vanessa Rejis, de 35 anos, contou em depoimento que durante a discussão conseguiu pegar uma das armas que o vigilante Eder Clay Rodrigues Biscaia, de 34 anos, mantinha em casa e atirou duas vezes contra o peito do marido. Ela disse que, antes disso, chegou a ter uma arma apontada para sua cabeça durante a briga. “Ela estava certa de que ele ia matá-la”, contou um investigador que não quis se identificar.

Segundo a polícia, ela mesma ligou para a PM e contou que tinha matado o marido. Ao chegarem à residência, localizada na Rua Doutor Lacerda de Oliveira, o homem já estava morto.

+ Conselho médico de SP quer descriminalizar maconha

Vanessa foi levada para o 56º DP (Vila Alpina) para prestar depoimento. Ela está detida e aguarda pelo exame de corpo de delito e pela audiência de custódia. 

Segundo a reportagem apurou, as denúncias de agressões contra Biscaia eram recorrentes. Em junho, Vanessa chamou a polícia depois de ser agredida pelo vigilante, que foi preso e solto em seguida.

 

Continua após a publicidade
Publicidade