Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Câmeras não confirmam estupro em estação de metrô, diz polícia

Uma estudante afirmou ter sido atacada por um homem, que a estuprou e a seguiu até a faculdade onde estuda

Por Estadão Conteúdo Atualizado em 28 ago 2018, 17h25 - Publicado em 28 ago 2018, 17h24

A Secretaria da Segurança Pública informou que as imagens das câmeras de segurança da Estação Sacomã, da Linha 3-Verde do Metrô, não ajudaram os investigadores que apuram a ocorrência de um estupro no local na semana passada. Segundo a pasta, a “análise das imagens mostra que, até o momento, não foi possível confirmar o crime dentro da estação”.

Uma estudante denunciou o crime que sofreu na semana passada na 2.ª Delegacia de Defesa da Mulher, na Zona Sul da capital, dizendo ter sido atacada por um homem, que a estuprou e a seguiu até a faculdade. A partir do relato, a polícia instaurou um inquérito para investigar o caso e informou nesta segunda que as imagens não confirmaram o crime.

Ainda segundo Secretaria, a estudante vítima do ataque foi ouvida novamente na delegacia nesta segunda (27) e ela mesmo também não teria confirmado o crime. A Secretaria da Segurança disse que as investigações continuam ocorrendo.

O caso surgiu em meio a relatos de outras vítimas que denunciaram nas redes sociais ataques que sofreram nas imediações de estações de metrô na capital. Apesar dos relatos, só um dos casos chegou até a polícia, o que aconteceu na Estação Sacomã. 

Outros que teriam acontecido nas estações Ana Rosa, Vila Mariana e São Joaquim não tiveram boletins registrados na delegacia.

A Secretaria divulgou na segunda-feira, 27, dados de criminalidade no Estado em julho, mostrando que os casos de estupro caíram pela primeira vez desde outubro do ano passado. Foram nove altas mensais consecutivas. 

Apesar da queda mensal, no acumulado do ano o crime ainda representa alta em relação ao mesmo período do ano passado.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)