Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Masp funciona até a madrugada na Virada Cultural

Japan House e Instituto Moreira Salles também participam do evento. Confira detalhes da programação.

Por Tatiane de Assis Atualizado em 18 Maio 2018, 17h12 - Publicado em 18 Maio 2018, 17h08

A Virada Cultural, evento da prefeitura realizado na sábado (19) e domingo (20), se estende para os museus e institutos da cidade. O Masp, por exemplo, tem horário de funcionamento estendido até meia-noite, além de promover oficinas e sessões de cinema.

A Japan House e o IMS também integram o coro e realizam atividades especiais. Confira abaixo as atrações de cada uma das instituições.

PROGRAMAÇÃO MASP

Exposições em cartaz: Acervo em TransformaçãoEmanoel Araujo, a ancestralidade dos símbolos: África-Brasil, Imagens do Aleijadinho, Maria Auxiliadora e Ayrson Heráclito.

Sábado (19)

+ Horário estendido até 0h, com entrada gratuita das 18h à 0h.

+ Sessões de cinema:
18h30: primeiro bloco

Quem te penteia? (2018). Direção: Zalika Produções.
Hip Hop SP (1990). Direção: Francisco César Filho.
Sabotage: Maestro do Canão (2015). Direção: Ivan 13P.

21h10: segundo bloco

Carolina (2003). Direção: Jefferson De.
Imagens de uma vida simples (2006). Direção: Daniel Fagundes, Fernando Solidade Soares.

22h10: terceiro bloco

Batuque paulista: a trajetória do samba de SP, do rural ao urbano. Direção: Thaís Lopes e Lucas Pena. Direção: Thaís Lopes e Lucas Pena.

23h30: quarto bloco

Quem te penteia? (2018). Direção: Zalika Produções.
Hip Hop SP (1990). Direção: Francisco César Filho.
Sabotage: Maestro do Canão (2015). Direção: Ivan 13P.

DOMINGO (20)

+Horário: 10h às 18h, entrada gratuita.
+10h30 às 13h30: Oficina de malabares com a Cia. Trupe Liuds.
20 vagas/a partir de 5 anos. Inscrição na hora.

+ 14h às 16h: roda aberta de música e capoMacumba Jam com a Cia. Treme Terra
Sem número definido de vagas. Inscrição na hora.

PROGRAMAÇÃO IMS

Exposições e projetos em cartaz: Conflitos, Seydou Keita, São Paulo, fora do Alcance: fotografias de Mauro RestiffeÎles flottantes (Se Monet encontrasse Cézanne, em Montfavet e Câmera aberta.

Sábado (19)

+ Horário estendido até as 22h para visitação às exposições e uso da biblioteca, livraria e café.

+ 11h: Visita guiada com o curador Samuel Titan Jr. à exposição do fotógrafo malinês Seydou Keita.

Continua após a publicidade

+ 11h às 12h30: Fotolivro de cabeceira, com Vania Toledo: The Sixties, de Richard Avedon.

+ 23h30: Sessão especial: O bebê de Rosemary, Roman Polanski | EUA | 1968, 136’, DCP.  Ingressos: R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia).

Domingo (20)

+ Horário: 10h às 20h.

+ 11h às 12h30: Show: Orquestra Mundana Refugi.  150 pessoas em pé + 30 lugares sentados (público preferencial).

Lugares limitados, distribuição de senhas 60 minutos antes. Limite de uma senha por pessoa.

+ 11h às 12h30: Oficina Experimentações – Negativo. 10 vagas. Lugares limitados, distribuição de senhas 60 minutos antes. Limite de uma senha por pessoa.

+ 11h às 13h: Família em Foco. Programa de ações para grupos familiares, com crianças a partir de 6 anos. 20 vagas.

PROGRAMAÇÃO JAPAN HOUSE

+ Exposições em cartaz: Prototyping in Tokyo – Shunji Yamanaka e Oscar Oiwa no Paraíso – Desenhando o efêmero.

Sábado (19)

+ Horário estendido até 00h.

+ Visitas guiadas:

10h30: Prototyping in Tokyo – Shunji Yamanaka.

20h: Oscar Oiwa no Paraíso – Desenhando o efêmero.

21h: Prototyping in Tokyo – Shunji Yamanaka.

22h: Oscar Oiwa no Paraíso – Desenhando o efêmero.

23h: Prototyping in Tokyo – Shunji Yamanaka.

+ 11h às 18h: Rota Canon X: oficina de introdução fotográfica.

Domingo (20)

+ Horário: 10h às 18h.

+11h às 17h: Rota Canon X: oficina de introdução fotográfica.

Não há limite de pessoas. Inscrição por ordem de chegada.

Continua após a publicidade
Publicidade