Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Marcha para Jesus tem carreata e orações pelo fim da pandemia

O apóstolo Estevam Hernandes e a bispa Sônia desfilaram em trio elétrico seguidos por carros

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 24 jul 2021, 17h31 - Publicado em 24 jul 2021, 17h30

A Marcha para Jesus aconteceu neste sábado (24) na capital. Batizado neste ano de Carreata da Solidariedade, o evento organizado por evangélicos reuniu cerca de 1 200 carros cadastrados no Pavilhão de Exposições do Anhembi, na Zona Norte de São Paulo, além de outros que saíram pela cidade.

Cada veículo pôde ter até quatro fieis e todos devem usar máscara. As pessoas oram e assistem a um show com estrelas da música gospel de dento dos veículos. O começo do evento teve arrecadação de alimentos, produtos de higiene e outros itens.

Também houve trio elétrico com o casal de fundadores do evento, o apóstolo Estevam Hernandes e a bispa Sônia. Eles desfilaram por volta das 13h30 e foram seguidos pela carreata. “Que nós possamos ver essa pandemia repreendida”, bradou o religioso. 

Uma das únicas representantes da política presente na Marcha para Jesus foi a deputada bolsonarista Carla Zambelli (PSL-SP). O evento não convidou oficialmente autoridades neste ano.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade