Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Hospital de Guarulhos fecha por causa de bactéria resistente

Quatro pacientes morreram contaminados no local em um mês

Por Estadão Conteúdo Atualizado em 5 dez 2016, 12h20 - Publicado em 25 jun 2015, 10h42

Após a morte de quatro pessoas em um mês contaminadas com a bactéria Acinetobacter baumannii, o Hospital Municipal de Guarulhos, na Grande São Paulo, interditou a área de observação do pronto-socorro e transferiu trinta pacientes para outras unidades de saúde da cidade.

+ Internada no Albert Einstein, Claudia Rodrigues grava vídeo para os fãs

A detecção da bactéria foi confirmada pela Secretaria de Saúde do município, que também isolou pacientes que podem ter sido contaminados. A unidade de saúde passa agora por um processo de desinfecção do ambiente.

+ Homem morre após passar mal em academia do centro

Administração municipal

Em nota, a secretaria informou que a bactéria aparece com frequência em ambientes hospitalares e é resistente a antibióticos. “Não se trata, porém, de superbactéria, mas de uma bactéria resistente.”

+ Padre distribui folheto contra homofobia e provoca comoção

A pasta disse ainda que o pronto-socorro vai atender apenas casos de urgência e emergência.

+ Confira as principais notícias da cidade

Continua após a publicidade
Publicidade