Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Fiscalização flagra duas festas clandestinas com 190 pessoas

Baladas ilegais durante a pandemia foram encerradas no Morumbi e Cidade Monções

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 4 jun 2021, 10h05 - Publicado em 4 jun 2021, 10h03

O Comitê de Blitze encerrou duas festas clandestinas na noite desta quinta-feira (3). Os locais flagrados descumpriam as exigências sanitárias e as regras do Plano SP. Cerca de 190 pessoas estavam nos locais no momento da fiscalização, a maioria não usava máscara de proteção e, claro, o distanciamento social não estava sendo respeitado.

Um dos locais fiscalizados fica localizado na Avenida Lopes de Azevedo, no bairro do Morumbi. Os organizadores da festa foram localizados e autuados. O segundo local fica na Rua Guararapes, em Cidade Monções. Os organizadores também foram autuados e foram apreendidas duas mesas controladoras de som e duas máquinas de crédito e débito.

Na madrugada desta sexta-feira (4), a Polícia Militar apoiou sete ações da Vigilância Sanitária, Procon e município. Foram realizadas 394 dispersões e mais de 14 mil veículos foram vistoriados, 34 pessoas foram presas, sendo 29 procurados pela Justiça.

LEIA MAIS: Força-tarefa caça festas clandestinas e conta com infiltrados para descobrir local de eventos

Com informações do governo de São Paulo

Continua após a publicidade

Publicidade