Empresas aéreas passam a fiscalizar malas de mão em Congonhas

A partir de 8 de maio, passageiros serão impedidos de embarcar com bagagens fora dos padrões de peso e tamanho

Quem tomar um avião no Aeroporto de Congonhas nesta quinta-feira (25) será submetido a mais um procedimento antes de poder embarcar. Fiscais foram contratados pelas companhias aéreas para impedir que os passageiros levem consigo bagagens de mão fora dos padrões permitidos.

Segundo a regra atual, as malas de mão devem pesar, no máximo, 10 quilos. Além disso, não podem ter mais do que 25 centímetros de profundidade, 55 centímetros de altura e 35 centímetros de largura.

Trata-se de uma campanha da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) que vai durar até 8 de maio. Além de Congonhas, outros quinze aeroportos participam da iniciativa.

Essa medida terá caráter meramente educativo durante duas semanas. Ou seja: se um passageiro for barrado com uma bagagem irregular dentro desse período, não será impedido de embarcar com ela.

Isso só vai começar a ocorrer depois desse prazo. Caso aconteça, o passageiro será obrigado a despachar a mala nos check-ins das companhias aéreas, ficando sujeito a cobranças conforme o tipo de franquia contratada para a viagem.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s