Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Em dia de eleição, 150 candidatos são presos em todo o país

Segundo o TSE, o campeão em prisões é Minas Gerais, com 43 ocorrências. São Paulo está em sétimo, com oito casos

Por Estadão Conteúdo Atualizado em 27 dez 2016, 15h16 - Publicado em 2 out 2016, 19h13

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que 150 candidatos foram presos neste domingo (2) até o fim da tarde, durante o período de votação do primeiro turno das eleições. Eles foram detidos em flagrante por cometer alguma irregularidade eleitoral, como boca de urna e divulgação de propaganda, por exemplo.

+Primeiras urnas apuradas mostram que Doria pode vencer no primeiro turno

O Estado com maior número de prisões de candidatos é Minas Gerais, com 43 ocorrências deste tipo. Depois aparecem Goiás (16), Paraná (15), Mato Grosso (12), Santa Catarina (12), Rio de Janeiro (12), São Paulo (8), Mato Grosso do Sul (5), Piauí (5), Paraíba (5), Rio Grande do Norte (4), Espírito Santo (3), Acre (1), Bahia (1), Maranhão (1), Pernambuco (5), Rondônia (1) e Rio Grande do Sul (1).

Os números são do quinto boletim divulgado pelo TSE sobre o andamento das eleições municipais e contabiliza informações até as 16h03 deste domingo (2). De acordo com o tribunal, houve outras 119 ocorrências com candidatos sem que houvesse prisões. Ao todo, portanto, são até agora 269 ocorrências com os candidatos.O TSE contabilizou ainda um total de 2 015 ocorrências com não-candidatos, das quais 1 005 pessoas foram presas.

Minas Gerais também foi o Estado com mais prisões de não-candidatos até o momento, em um total de 245. Entre os principais motivos para as prisões estão a boca de urna tanto no caso de candidatos quanto de não-candidatos.Nas eleições municipais de 2012, de acordo com o TSE, haviam sido presos 475 candidatos e 1 703 não-candidatos. No total, naquele ano, foram 1 455 ocorrências entre os que concorriam às eleições e 3 357 entre os não-candidatos.  

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da VejaSP, diariamente atualizado.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Edições da VejaSP liberadas no App Veja de maneira imediata

a partir de R$ 12,90/mês