Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Bandidos invadem sede da Associação Paulista de Imprensa e Diário Popular

Criminosos levaram aproximadamente R$ 300 000 em equipamentos e destruíram documentos

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 9 nov 2020, 11h49 - Publicado em 9 nov 2020, 11h48

Na madrugada deste domingo (9), a sede da Associação Paulista de Imprensa (API) e do jornal Diário Popular foi invadida no Centro de São Paulo. Os assaltantes levaram aproximadamente R$ 300 000 em equipamentos e destruíram documentos. Nenhum suspeito foi detido. O prédio fica no centro de São Paulo. 

Entre os bens furtados estavam computadores, câmeras e equipamentos de edição, todos do Diário Popular. Durante o roubo, o sistema de segurança do prédio não estava funcionando. O local passou por uma perícia e a polícia iniciou a investigação do caso.

Os assaltantes entraram no edifício através de um buraco feito na parede. Além do furto, eles também danificaram cadeiras, portas, quadros e objetos de valor histórico.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) afirmou em nota que faz policiamento ostensivo e que irá intensificar as rondas no local. O caso foi registrado como furto qualificado.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

  • Continua após a publicidade
    Publicidade