Clique e assine por apenas 6,90/mês

Covas afasta direção do Hospital do Servidor Público

Em nota, a Prefeitura fala em "inadmissíveis condições" e promete criar uma comissão externa de apuração e investir R$ 13 milhões em uma reforma emergencial

Por Estadão Conteúdo - 13 Apr 2019, 10h08

Após reportagem da TV Globo, que mostrou problemas de atendimento no Hospital do Servidor Público Municipal de São Paulo (HSPM), a gestão Bruno Covas (PSDB) determinou o afastamento da atual direção do complexo. Em nota, a Prefeitura fala em “inadmissíveis condições” e promete criar uma comissão externa de apuração e investir R$ 13 milhões em uma reforma emergencial. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Publicidade