Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Corpo encontrado em matagal é de Rayane, jovem desaparecida em Mogi

A adolescente de 16 anos estava sumida desde domingo (21), após uma festa realizada em um sítio de Mogi das Cruzes

Por Camila Pusiol Atualizado em 29 out 2018, 12h47 - Publicado em 29 out 2018, 12h41

O corpo da estudante Rayane Paulino, de 16 anos, desaparecida após sair de uma festa em Mogi das Cruzes, foi encontrado neste domingo (28), em uma área de mata da Avenida Francisca Lerário, no bairro do Lambari, Guararema, município da região metropolitana de São Paulo. O corpo da jovem teria sido reconhecido pela mãe, Marlene Maria Paulino Alves, na manhã desta segunda-feira (29).

A jovem estava desaparecida desde o domingo (21), após ir embora de uma festa que ocorria no bairro Botujuru, em Mogi das Cruzes, no último dia 20. Segundo laudo, a morte teria ocorrido por asfixia. A mãe, que esteve no Instituto Médico Legal (IML) de Mogi das Cruzes, acompanhada pelo marido, teria feito o reconhecimento baseado no esmalte e em uma pulseira que a filha utilizava.

Agentes do Corpo de Bombeiros e da Polícia isolaram área onde corpo foi encontrado em Guararema. Mirielly de Castro/TV Diário/Divulgação

De acordo com informações do IML, ainda serão feitos os exames para identificar a causa da morte e para verificar se a jovem teria sido vítima de estupro. A Polícia Civil vai investigar as causas da morte e os possíveis envolvidos.

Na noite do dia (20), Rayane foi à festa acompanhada por amigas. Para elas, a jovem teria dito que precisava ir embora mais cedo, mas que o pai viria buscá-la. Ainda não se sabe se ela saiu do sítio sozinha ou acompanhada.

Continua após a publicidade

Publicidade