Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Coren-SP diz que teve acesso negado ao prontuário de Klara Castanho

Hospital alegou que é preciso aval da paciente para liberar o acesso. Coren apura possível infração ética de enfermeira que teria vazado informações

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 4 jul 2022, 17h30 - Publicado em 4 jul 2022, 17h26

O Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren-SP) informou nesta segunda (4) que teve o acesso negado ao prontuário de atendimento da atriz Klara Castanho pelo Hospital Brasil, de Santo André. De acordo com o conselho, o hospital alegou que é preciso ter autorização prévia da paciente.

+ Em forte depoimento, Klara Castanho revela estupro e gravidez 

Em 25 de junho, a atriz revelou que foi vítima de um estupro, engravidou e teve o bebê, que entregou para adoção logo após o nascimento. Entretanto, a informação, que deveria ser sigilosa, teria sido vazada para jornalistas por uma profissional de enfermagem do hospital.

Desde então, o Coren-SP começou a apurar a possível infração ética praticada pela profissional. O Coren afirmou que está “à disposição da atriz” para que, caso seja da vontade dela, orientar sobre “os procedimentos para encaminhamento de apuração da conduta dos profissionais de enfermagem que a tenham atendido ou de autorização para acesso ao prontuário”.

Klara disse que foi ameaçada pela enfermeira quando ainda estava sob efeito de medicação após o parto. “No dia em que a criança nasceu, eu, ainda anestesiada do pós-parto, fui abordada por uma enfermeira que estava na sala de cirurgia. Ela fez perguntas e ameaçou: ‘Imagina se tal colunista descobre essa história’. Eu estava dentro de um hospital, um lugar que era para supostamente para me acolher e proteger”, escreveu Klara em seu Instagram.

O Ministério Público de São Paulo (MPSP) também está investigando o vazamento das informações sigilosas.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Para entender e curtir o melhor de SP, Veja São Paulo. Assine e continue lendo.

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da VejaSP! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Resenhas dos melhores restaurantes, bares e endereços de comidinhas de São Paulo.

Receba semanalmente VejaSP impressa mais acesso imediato às edições digitais no App Veja, para celular e tablet.

a partir de R$ 19,90/mês