Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Três toneladas de comida vencida são apreendidas em supermercado

Os produtos do Walmart, unidade Barra Funda, foram encaminhados para destruição

Por Catherine Barros Atualizado em 20 abr 2017, 18h29 - Publicado em 20 abr 2017, 18h26

Na terça-feira (18), a 2ª Delegacia de Polícia de Saúde Pública e Investigações de Crimes que Envolvem Medicamentos realizou uma busca e apreensão de produtos vencidos no supermercado Walmart, na unidade da Barra Funda. A apreensão foi feita após um consumidor do mercado registrar um boletim de ocorrência, denunciando a venda de produto de panificação vencido.

Os policiais foram até o endereço e perceberam a presença de itens fora da validade nas gôndolas. Ao pedirem para vistoriar os estoques, ficou constatado que duas câmaras frias de panificação estavam com aproximadamente 3 toneladas de produtos estragados.

“Além disso, etiquetas de fabricação tinham as datas alteradas, em sua maioria com datação de setembro de 2017, impossível de acontecer”, afirma o delegado responsável, João Antônio Gonçalves.

Pães doces embolorados estavam à venda nas gôndolas do supermercado 2ª Delegacia de Polícia de Saúde/Veja SP

Após a perícia ser chamada, todos os artigos foram recolhidos e encaminhados para destruição. Um processo foi aberto. A gerente responsável foi encaminhada para a delegacia, onde a empresa pagou fiança de trinta salários mínimos – valor de 28 000 reais – para a funcionária responder ao processo em liberdade.

O supermercado se posicionou sobre o caso: “O Walmart possui procedimentos internos rigorosos para assegurar a excelência dos serviços e produtos oferecidos aos seus clientes. O episódio ocorrido na unidade em questão é inaceitável, alheio à rotina operacional da empresa. Já tomamos medidas cabíveis, como, por exemplo, intensificar inspeções e controles já existentes em todas as unidades”.

Continua após a publicidade
Publicidade