Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

“Chutado pela porta dos fundos”, diz Evaristo Costa após saída da CNN

Jornalista foi demitido no último dia 3

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 13 set 2021, 21h03 - Publicado em 13 set 2021, 21h02

O jornalista Evaristo Costa, demitido pela CNN Brasil no último dia 3, ainda se mostra descontente com a decisão da emissora.

“Eles foram extremamente deselegantes e despreparados durante o distrato”, disse em entrevista a Folha. “Fui surpreendido por quem não esperava, considero uma sabotagem. Mas quem levou o tiro no pé pela atitude desrespeitosa foram eles mesmos”.

Evaristo era apresentador do programa semanal CNN Séries Originais e, segundo ele, só soube da demissão quando viu que a atração não estava mais na grade da programação, um ano antes do contrato acabar. “Faltavam 15 meses ainda quando fui surpreendido. Não foi em comum acordo. A CNN foi totalmente despreparada”.

“Na hora de me contratar, aceitaram todas as minhas exigências, com carpete vermelho, e na hora de me dispensar me chutaram pelas porta dos fundos sem qualquer consideração ou justificativa”, afirma.

A reportagem procurou a CNN Brasil, que ainda não se manifestou.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade