Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Bolsonaro é transferido para São Paulo

Candidato a presidente pelo PSL será tratado no Hospital Albert Einstein

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 7 set 2018, 09h25 - Publicado em 7 set 2018, 09h21

O candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL) deixou a Santa Casa de Juiz de Fora às 8h20 desta sexta-feira (7) para se dirigir ao Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde continuará a recuperação. Os médicos que atenderam o político decidiram pela transferência após uma bateria de exames apontar que o quadro dele é estável. A viagem será feita de avião. 

Desde poucas horas após a chegada de Bolsonaro ao centro médico mineiro, equipes dos hospitais Sírio Libanês e Albert Einstein estiveram na Santa Casa e avaliaram a possível transferência. A mudança de local já era prevista, mas não foi informada pela família, que desconversou durante a madrugada ao dizer que o deputado federal poderia ficar mais tempo em Minas Gerais. 

Também na manhã desta sexta, um vídeo publicado nas redes sociais do senador Magno Malta (PR-ES) mostra Jair Bolsonaro fazendo sua primeira declaração pública após o ataque. Bolsonaro agradeceu a equipe médica e disse ser inofensivo. “Será que o ser humano é tão mau assim? Eu nunca fiz mal a ninguém”, disse. “Essa equipe maravilhosa e abençoada evitou que o mal maior acontecesse”, concluiu.

  •  

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade