Clique e assine por apenas 6,90/mês

Angolano é detido pela PF após ter convulsão em voo que seguia para Lisboa

O avião partiu do Aeroporto Internacional de Cumbica por volta das 21h50 da segunda-feira (3) e deveria pousar em Lisboa nesta terça-feira (4)

Por Redação VEJA São Paulo - 4 Feb 2020, 12h11

Um angolano de 43 anos de idade foi detido pela Polícia Federal após ter convulsões em um voo que seguia de Guarulhos, na Grande São Paulo, para Lisboa, em Portugal. O avião precisou pousar em Recife na madrugada desta terça-feira (4) e houve um desembarque de emergência do passageiro, que confessou ter engolido cápsulas de cocaína.

O avião partiu do Aeroporto Internacional de Cumbica por volta das 21h50 da segunda-feira (3) e deveria pousar em Lisboa por volta das 10h (horário local) desta terça-feira (4). O estranheiro, que não teve o nome divulgado pela Polícia Federal, passou mal e teve crises convulsivas. Com isso, foi necessário pousar no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes — Gilberto Freyre, na Zona Sul da capital pernambucana. As informações são do G1.

Após o desembarque de emergência, o passageiro confessou ter engolido as cápsulas e foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Imbiribeira, próxima ao aeroporto. De lá, ele foi transferido para o Hospital Getúlio Vargas, onde segue internado nesta terça-feira.

Publicidade