Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Vida Boa Por Bárbara Öberg A repórter Bárbara Öberg fala sobre bem estar, exercícios, saúde e novidades para melhorar a rotina.

Grande indústria entra no “game” e Wickbold lança pão sem glúten

  É muuuuuuito raro e talvez seja a primeira vez que esse blog publique uma matéria sobre uma grande indústria, ainda mais pra falar de produto. E vocês já sabem que aqui não escrevemos jabá, matéria paga e coisas do gênero. Mas olha que incrível: a Wickbold, que há quase oito décadas faz pães industrializados, […]

Por Tatiana Izquierdo Atualizado em 25 fev 2017, 21h27 - Publicado em 31 out 2016, 15h45

 

cesta-paes

É muuuuuuito raro e talvez seja a primeira vez que esse blog publique uma matéria sobre uma grande indústria, ainda mais pra falar de produto. E vocês já sabem que aqui não escrevemos jabá, matéria paga e coisas do gênero. Mas olha que incrível: a Wickbold, que há quase oito décadas faz pães industrializados, acaba de lançar pão de forma sem glúten. Nem chegaram ainda nas prateleiras dos supermercados e ficamos sabendo em primeira mão. E por que decidi escrever sobre isso?

+ Selfie na academia é necessidade de chamar atenção, diz estudo

Poxa vida, quem é adepto a uma vida sem glúten – seja por motivos sérios de intolerância, seja por uma dieta restritiva – sabe como é caro e difícil encontrar produtos de “prateleira” em grandes redes de supermercado. Nos tempos atuais, até há uma oferta mais generosa (em particular pra quem mora em Sampa). Mas, em geral, são de produtos importados com preços são caríssimos ou produtos artesanais de qualidade boa, mas de distribuição localizada.

A versão tradicional do pão sem glúten da Wickbold (Foto: Divulgação)

A versão tradicional do pão sem glúten da Wickbold (Foto: Divulgação)

Continua após a publicidade

A novidade vem nas versões tradicional e em grãos. E o pacote de 300 gramas custará algo como R$ 14,50. E terá 140 kcal por porção (versão Grãos) e 145 kcal (versão Tradicional). Achei bacana ter uma alternativa pros consumidores. A Wickbold diz que é pra atender a necessidade das pessoas que não podem, efetivamente, ingerir glúten, os chamados celíacos. Mas nós sabemos que, além disso, a empresa quer, obviamente, morder seu naco aí nesse mercado de produtos saudáveis. É uma legião de gente querendo entrar em forma e que, por orientação médica, decidiu cortar o glúten da vida.

A versão com grãos do pão sem glúten da Wickbold (Foto: Divulgação)

A versão com grãos do pão sem glúten da Wickbold (Foto: Divulgação)

Das duas alternativas da Wickbold, a com grãos é mais interessante. O pão vem carregado de semente de girassol (vitamina E e antioxidante #oba), farinha de linhaça (composta por ômega-3, que ajuda a melhorar o perfil de gorduras do sangue), quinoa (proteínas de alta qualidade) e chia (com alto teor de fósforo, nutriente fundamental para a manutenção da saúde dos ossos e dentes). Só pra deixar claro: pão sem glúten não é igual a pãozinho fresco cheio de gordices que a gente ama. Mas quem vai encarar uma deita (#verãoTáAí), fica a dica. Liguei na empresa e eles me informaram que as duas versões estão sendo distribuídas, esta semana, no grande varejo.

+ Sasha Meneghel é ovacionada em sua estreia na passarela

Fica a dica, um beijo, até mais.

Em tempo: se você quer me mandar uma sugestão, escreve pra mim chrismartinez@butiquedeletras.com.br e pra me seguir @blogvidaboa_

Continua após a publicidade

Publicidade