Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Tudo Sobre Cinema

Mostra de Gostoso troca pé na areia por exibição virtual grátis de 34 filmes

Entre os longas-metragens estão o clássico Vidas Secas e o inédito Cavalo

Por Miguel Barbieri Atualizado em 10 mar 2021, 12h30 - Publicado em 10 mar 2021, 12h29

A Mostra de Cinema de Gostoso é uma das experiências cinematográficas mais fascinantes que eu já tive. Realizada em São Miguel do Gostoso, no Rio Grande do Norte, ela tem projeção noturna de filmes na praia. É um evento democrático que reúne jornalistas e, sobretudo, a população local. Em espreguiçadeiras instaladas na areia, a gente assiste, a céu aberto, aos filmes, longas e curtas da competição, com o pé na areia. O silêncio é quase absoluto, já que, quem está lá, está para ver os filmes – não há cinema em Gostoso.

A realização da Mostra é dos craques Eugenio Puppo e Matheus Sundfeld, que fazem uma curadoria muito cuidadosa do audiovisual brasileiro. Fui convidado para a edição de 2019. No ano passado, por causa da pandemia, o evento foi cancelado. A boa notícia é que 7ª Mostra de Cinema de Gostoso, que começa nesta quarta (10) e vai até dia 14 de março (domingo), será virtual. Ou seja: o Brasil inteiro poderá assistir grátis aos 34 filmes da programação. Toda a programação ficará disponível durante os cinco dias da Mostra com os filmes acessados pela plataforma de streaming innsaei.tv (recomendo baixar o aplicativo). Você confere toda a programação no ótimo site da Mostra em mostradecinemadegostoso.com.br.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90.

Entre os cinco longas-metragens da Mostra Nacional, produzidos entre 2020 e 2021, está Cavalo, sobre sete dançarinos num mergulho em suas ancestralidades. A Mostra Acervo está excepcional para quem gosta de clássicos. Há, entre outros, Vidas Secas (1963), de Nelson Pereira dos Santos, e São Bernardo (1972), de Leon Hirszman. A Mostra Xanadu apresenta dois raríssimos filmes de Carlos Reichenbach: As Libertinas – Três História de Amor e Sexo (1968) e Audácia, a Fúria dos Desejos (1969). E a Sessão CineLimite exibe três filmes de 1968: A Vida Provisória, O Bravo Guerreiro e Desesperato.

  • Quer me seguir nas redes sociais? Anote: 

    Facebook: facebook.com/paginadoblogdomiguel
    Twitter: @miguelbarbieri
    Instagram: miguelbarbieri
    YouTube: Miguel Barbieri Jr. 

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade