Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Teatro Ruth Escobar aguarda pagamento de edital prometido desde agosto

“Os 12 000 reais, que na ocasião teriam quebrado um galho, hoje só pagam atrasados da faxineira”, diz responsável pelo local

Por Humberto Abdo Atualizado em 21 jan 2021, 14h00 - Publicado em 22 jan 2021, 06h00

Com mais de 100 000 reais de dívidas acumuladas, o Teatro Ruth Escobar ainda aguarda o valor de um edital da prefeitura prometido desde agosto do ano passado. “Os 12 000 reais, que na ocasião teriam quebrado um galho, hoje só pagam os atrasados da faxineira”, ironiza Analy Alvarez, 78, que administra o local. A mesma demora ocorreu com os 30 000 reservados pela Lei Aldir Blanc, depositados apenas na semana passada. “Ficamos sem faturar desde janeiro de 2020, os funcionários não aguentam mais e não sei se vou conseguir pagá-los”, desabafa. “Eu me sinto desamparada, assim como está a classe teatral. Cultura é a primeira coisa que fecha e deixa de interessar, enquanto shopping pode abrir e a 25 de Março está enrolada de gente. Isso pode.” Em nota, a Secretaria Municipal de Cultura informou que o teatro “foi contemplado com o edital de Espaços Culturais Independentes. O pagamento será feito nos próximos dias, com a reabertura do sistema de pagamentos da prefeitura”.

Analy Alvarez, responsável pela administração do Teatro Ruth Escobar.
Analy Alvarez, responsável pela administração do Teatro Ruth Escobar. Arquivo Pessoal/Reprodução

Publicado em VEJA São Paulo de 27 de janeiro de 2021, edição nº 2722.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Publicidade