Micropigmentadora atrai clientes ao Tatuapé e tem longa lista de espera

Sucesso há anos, Neide Campos faz oito atendimentos por dia e atendes personalidades como Diego Hypolito

Personalidades como o ginasta Diego Hypolito, entre outros clientes, frequentam o salão de Neide Campos, 48, no Tatuapé, desembolsam em média 1 200 reais e encaram fila de espera de quase um ano para dar um trato nas sobrancelhas. “Estou aqui há 22 anos, amo meu bairro e nunca pensei em abrir uma loja nos Jardins”, diz a micropigmentadora, que faz oito atendimentos todo dia.

Ela lembra que o sucesso veio há dez anos, após uma promessa a Nossa Senhora. “Eu passava por um problema financeiro grave, vi uma igreja e disse que, se tudo se resolvesse, atenderia de graça mulheres com câncer.” Até hoje, Neide não cobra o serviço de freguesas doentes sem condições financeiras. “É mais fácil receber essas pessoas do que aquelas com ‘taturanas pretas’ parecendo o símbolo da Nike. Ali, sim, precisa fazer milagre”, brinca.

Publicado em VEJA SÃO PAULO de 10 de julho de 2019, edição nº 2642.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s