Clique e assine por apenas 6,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Sérgio Reis: “Vou levar uma imagem de São Judas ao gabinete para me ajudar”

Por Ana Carolina Soares Eleito deputado federal pelo estado de São Paulo, o cantor Sérgio Reis (PRB) já está na expectativa de se mudar para Brasília. “Estou procurando apartamento na Asa Norte, uma área tranquila da capital, e tenho contado com as dicas de meus amigos deputados, especialmente o Celso Russomanno“, ele diz. + Confira o desempenho dos […]

Por VEJA SP - Atualizado em 26 Feb 2017, 20h27 - Publicado em 30 Oct 2014, 18h54
O cantor com a esposa, a cantora Ângela Bavini. Caberá a ela a responsabilidade de decorar o gabinete do marido em Brasília. "Penso em colocar um chapéu e berrante para o pessoal identificar de cara a quem pertence o espaço", ela planeja (Foto: Reprodução)

O cantor com a esposa, a cantora Ângela Bavini. Caberá a ela a responsabilidade de decorar o gabinete do marido em Brasília. “Penso em colocar um chapéu e berrante para o pessoal identificar de cara a quem pertence o espaço”, ela planeja (Foto: Reprodução)

Por Ana Carolina Soares

Eleito deputado federal pelo estado de São Paulo, o cantor Sérgio Reis (PRB) já está na expectativa de se mudar para Brasília. “Estou procurando apartamento na Asa Norte, uma área tranquila da capital, e tenho contado com as dicas de meus amigos deputados, especialmente o Celso Russomanno“, ele diz.

+ Confira o desempenho dos famosos na votação em São Paulo

Continua após a publicidade

Reis diz que não tem pressa, pois só será empossado em fevereiro. “Depois, a gente entra em recesso e só volta em março. Lá, o pessoal começa a trabalhar pelas férias”, ri o cantor, que nunca havia se candidatado e vai debutar na Câmara dos Deputados em 2015. “Fui um dos primeiros artistas a ajudar o Hospital do Câncer em Barretos e a saúde será uma das minhas bandeiras.” Ele diz que vai se dividir entre Brasília, o escritório em São Paulo e a agenda de shows. “Fico na capital entre terça e quinta. Segunda e sexta vou dar expediente no escritório em São Paulo e manterei minha turnê pelo Brasil aos finais de semana.”

+ Doze dicas para economizar água na cozinha

A esposa, a cantora Ângela Bavini, vai acompanhá-lo na jornada. Caberá a ela a responsabilidade de decorar o gabinete do marido em Brasília. “Penso em colocar um chapéu e berrante para o pessoal identificar de cara a quem pertence o espaço”, ela planeja. O cantor aprova. “Ângela tem bom gosto. Só sei que vou levar minhas imagens de Nossa Senhora Aparecida e de São Judas para me ajudar”, diz Sérgio.

+ Confira as principais notícias da cidade

Publicidade