Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

O retorno de Carla Diaz para o horário nobre

Estava longe da Globo desde os 18 anos

Por João Batista Jr. Atualizado em 20 out 2017, 20h37 - Publicado em 20 out 2017, 20h34

Sucesso retumbante, a novela A Força do Querer resgatou uma atriz que há muito andava sumida da Globo. Carla Diaz ressurgiu linda, cheia de curvas e com aplique no cabelo para viver a Carine, garota de comunidade que sonha em ficar com um traficante do morro. A alpinista social, no caso, era rival da protagonista vivida por Juliana Paes, a Bibi. “Estava louca para voltar às novelas e pedia a Deus uma porta, mas ele me abriu um portal”, comemora ela, hoje com 26 anos.

Carla comemora neste ano 25 anos de carreira (você leu certo!). Ela ficou na Globo até os 18 anos, para depois fazer alguns trabalhos na Record.

Precisou fazer testes para conquistar a personagem?
Não, amor. Recebi uma ligação da Globo me convidando e, em uma semana, já estava gravando. A ideia das unhas de gel e do megahair foram minhas, mas a construção da Carine foi de uma equipe enorme. Fiz aula com um funkeiro para aprender a tocar o cabelo e andar de forma provocante, além de contratar um coach. Um nutrólogo me ajudou a perder 5 quilos. Estamos todos muito felizes com o resultado.

+ Gabriela Pugliesi se arrepende de preenchimentos no rosto

A autora Gloria Perez te lançou para a fama na novela O Clone, em 2002..
A Gloria me deu a personagem Khadija, quando eu tinha 10 anos. Até hoje, dentro e fora do Brasil, as pessoas me param para falar o bordão “inshalá” e “quero ouro”. Agora, neste último capítulo que vai ao ar hoje (sexta, dia 20), ela fez uma homenagem à Khadija… uma cena vai relembrá-la.

A Carine vai virar dançarina do ventre ou vai falar “quero ouro”?
Não posso falar.

Quais são seus próximos planos?
Viajo para Portugal na semana que vem, irei levar dois textos para analisar. Além de atriz, também sou produtora. Quero fazer algo legal no teatro. Também tenho projetos de novelas, mas no momento não posso falar nada.

Continua após a publicidade
Publicidade