Clique e assine por apenas 5,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Com mais de 200 coletas, médico é o rei da doação de sangue e de plaquetas

Eliseu Siles Barduco é campeão no “ranking” da Fundação Pró-Sangue, mas precisou parar enquanto está na linha de frente do combate ao coronavírus

Por Humberto Abdo - Atualizado em 31 jul 2020, 02h13 - Publicado em 31 jul 2020, 06h00

Campeão no “ranking” da Fundação Pró-Sangue na capital, o paulista Eliseu Siles Barduco, 41, acumula mais de 200 doações de sangue e plaquetas feitas em São Paulo (180) e no Rio Grande do Sul, onde vive há seis anos. Desde 1998 o médico recém-graduado é doador voluntário da instituição, responsável pelo abastecimento de sangue na região metropolitana. “Agora que estou na linha de frente da pandemia, não faço doações desde abril”, lamenta Barduco, que decidiu doar periodicamente após a morte de uma amiga, vítima de câncer. “Desde então, isso se tornou uma das minhas prioridades na vida.” Barduco ainda se emociona ao rever o recado que recebeu de uma das pacientes beneficiadas. “Um cartão de agradecimento que guardo como se fosse um tesouro.”

 

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Publicado em VEJA SÃO PAULO de 5 de agosto de 2020, edição nº 2698.

+ ASSISTA A LORENÇATO EM CASA

Continua após a publicidade
Publicidade