Clique e assine por apenas 6,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Filha de Celso Russomanno é processada por atrasar parcelas do condomínio

Uma piada tem se tornado frequente nas reuniões de um prédio na Vila Gumercindo, na Zona Sul: “Vamos chamar o Celso Russomanno”. A presença do prefeitável, que ficou famoso como defensor dos consumidores, poderia resolver um imbróglio do local: o apartamento 92 deve oito meses da taxa de condomínio, de 1 200 reais. O síndico decidiu brigar na Justiça com os inadimplentes: Luara Russomanno, […]

Por João Batista Jr. - Atualizado em 26 fev 2017, 13h21 - Publicado em 29 jan 2016, 23h55
O prefeitável ao lado da flha Luara e do genro, Queiroz: condomínio atrasado (Foto: Leo Franco e Thiago Duran/AgNews)

O prefeitável ao lado da filha Luara e do genro, Queiroz: condomínio atrasado (Foto: Leo Franco e Thiago Duran/AgNews)

Uma piada tem se tornado frequente nas reuniões de um prédio na Vila Gumercindo, na Zona Sul: “Vamos chamar o Celso Russomanno”. A presença do prefeitável, que ficou famoso como defensor dos consumidores, poderia resolver um imbróglio do local: o apartamento 92 deve oito meses da taxa de condomínio, de 1 200 reais. O síndico decidiu brigar na Justiça com os inadimplentes: Luara Russomanno, filha de Celso, e Bruno Queiroz, dono da rede The Original Cupcake.

+ Celso Russomanno é processado por mulher que escorregou em “santinhos”

“Esse casal ostenta uma vida de luxo nas redes sociais, mas enrola na hora de cumprir com as obrigações aqui”, reclama um vizinho. “Pago os boletos, mas tenho tido problemas com o banco, pois o dinheiro volta e a conta permanece pendente”, jura Queiroz. O empresário afirma que tudo se resolverá até o início de fevereiro. E não será preciso acionar o sogro. “É claro que não comentei isso com ele. Eu mesmo resolvo meus problemas.”

Continua após a publicidade
Publicidade