Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Fabio Porchat resgata memória dos grandes saraus paulistas

Encontros reúnem artistas e intelectuais em noite de coquetel com Rosely Cury Sanches e o presidente da Academia Latino-Americana de Arte como anfitriões

Por Humberto Abdo Atualizado em 26 nov 2021, 01h34 - Publicado em 26 nov 2021, 06h00

Em um grande apartamento próximo ao Monumento às Bandeiras, artistas e intelectuais se reúnem para declamar poesias, discutir a cultura brasileira e beber vinho. Assim serão os novos saraus organizados por Rosely Cury Sanches, conselheira do Museu de Arte Sacra, e Fabio Porchat (o pai do ator), atual presidente da Academia Latino-Americana de Arte.

“Decidimos resgatar a memória dos saraus paulistas 100 anos depois de terem acabado. Muitos deles eram organizados por Veridiana Prado e Yolanda Penteado no fim do século 19”, resume Fabio.

No endereço de Rosely, os encontros serão mensais, apenas para convidados, e sempre terão homenagens a um escritor e um artista plástico — Cesar Romão e Cassiano Araújo foram os escolhidos da primeira edição, que teve a presença do prefeito Ricardo Nunes. “Ele nos deu um estímulo muito grande e já planejamos o próximo em 1o de dezembro, com o artista Maurício Ferreira e a poeta Cristina Bonventi.”

+Assine a Vejinha a partir de 6,90.

Publicado em VEJA São Paulo de 1º de dezembro de 2021, edição nº 2766

Continua após a publicidade

Publicidade