Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Eduardo Kobra restaura mural de Ayrton Senna próximo à Consolação

Com grafites em países dos cinco continentes, o artista paulistano defende a preservação da arte de rua: "Boa parte da minha obra já foi apagada"

Por Humberto Abdo Atualizado em 4 dez 2020, 11h02 - Publicado em 4 dez 2020, 06h00

Após completar o mural A Mão de Deus no Minhocão, o artista Eduardo Kobra, 45, comanda a restauração de uma de suas obras em São Paulo: o grafite em homenagem a Ayrton Senna (1960-1994), na Consolação. “Meu sonho de consumo é consertar o do Oscar Niemeyer, na Paulista, que está bem feio”, confessa. “Há uma regra estabelecida na arte de rua: tudo bem se apagar. Mas depois que tive meu filho passei a refletir sobre todos os murais da cidade que não existem mais e que eu gostaria que Pedrinho pudesse contemplar.” Segundo ele, boa parte de suas criações já começou a sofrer desgastes ou foi apagada — como o Albert Einstein da Oscar Freire. “A Praça Panamericana tinha um mural de 1 800 metros quadrados que mostrava os imigrantes italianos e foi pintado de branco depois que o prédio foi alugado por outra pessoa”, lamenta. “O dono tem direito de fazer o que quiser, mas falta comunicação com o artista. Não vejo diferença entre a arte de galeria e das obras do Portinari para as artes públicas, então por que não preservar? Se for ao Egito, você vai ver que as pinturas estão boas porque tem alguém cuidando. Quer clima pior do que o deserto para manter uma pintura?”

Eduardo Kobra - A Mão de Deus, Minhocão (Drone Cyrillo)
A Mão de Deus, mural mais recente de Eduardo Kobra produzido em frente ao Minhocão, em São Paulo. Drone Cyrillo/Divulgação

No início da pandemia, Kobra precisou adiar vários planos, como o projeto de um mural no World Trade Center, em Nova York, e outro no Líbano, ambos previstos para serem retomados em 2021. Problemas de saúde envolvendo a descoberta de uma intolerância alimentar e refluxo também afetaram a rotina na quarentena. “Sempre sofri com intoxicação de metais pesados, com insônia, não me lembro de ter vivido bem por quinze dias inteiros nos últimos vinte anos”, revela. “Mas esses momentos têm sido mais difíceis, principalmente com a morte da minha filha, um bebê que nasceu e faleceu em seguida, logo que começou a pandemia.”

Eduardo Kobra faz painel para ser leiloado às vítimas de tragédia no Líbano.
Eduardo Kobra faz painel para ser leiloado às vítimas de tragédia no Líbano. Divulgação/Divulgação

Nascido no bairro do Campo Limpo, Kobra chegou a morar por muitos anos no sobrado de sua avó, que lhe vendeu a propriedade por menos que a metade do valor. Com o sucesso internacional conquistado com seus grafites, espalhados por países dos cinco continentes, ele “migrou” para a Consolação e hoje vive na região do Jardim Paulistano. “Em trinta anos de trajetória, não consigo ver um grande momento de virada, mas várias vitórias, como quando fui contratado pelo Playcenter para ilustrar os brinquedos”, relembra. Sua identidade visual, com estética 3D e quadriculados coloridos, surgiu a partir do gosto por livros antigos. “Coleciono publicações que mostram as cidades em décadas como 1920 e 1930, em preto e branco, e decidi começar a colorir algumas dessas cenas.”

Mural Ayrton Senna: pintura feita em 2015 sofreu desgastes com o passar dos anos e acaba de ser restaurada; artista ainda fará retoques finais
Mural Ayrton Senna: pintura feita em 2015 sofreu desgastes com o passar dos anos e acaba de ser restaurada; artista ainda fará retoques finais. Alan Teixeira/Divulgação
Painel em homenagem ao Líbano: mural que seria produzido no país precisou ser adiado
Painel em homenagem ao Líbano: mural que seria produzido no país precisou ser adiado. Divulgação/Divulgação

+Assine a Vejinha a partir de 5,90

Painel de Kobra em Miami inspirado em personagem Yoda, de Star Wars, feito em 2015 no distrito de Wynwood.
Painel de Kobra em Miami inspirado em personagem Yoda, de Star Wars, feito em 2015 no distrito de Wynwood. Divulgação/Divulgação
High Line Park, parque suspenso de Nova York, tem vista para o mural O Beijo, criado em 2012 por Kobra.
High Line Park, parque suspenso de Nova York, tem vista para o mural O Beijo, criado em 2012 por Kobra. Divulgação/Divulgação

+Assine a Vejinha a partir de 5,90

Eduardo Kobra - Mural Coração Santista (Martin Lima)
Mural Coração Santista, de Eduardo Kobra, na Ponta da Praia, em Santos. Martin Lima/Divulgação
Mural de Anne Frank com dizeres
Mural de Anne Frank com dizeres “Let me be myself” (deixe-me ser eu mesma) foi feito em 2016 por Kobra na região norte de Amsterdã, Holanda. Divulgação/Divulgação
David Bowie, de Eduardo Kobra, em Jersey City
David Bowie, de Eduardo Kobra, em Jersey City. Divulgação/Divulgação

+Assine a Vejinha a partir de 5,90

Mural Todos Somos Um, com 3 mil metros quadrados, retrata diversidade de etnias nas paredes de um antigo armazém na região da Zona Portuária, do Rio de Janeiro.
Mural Todos Somos Um, com 3 mil metros quadrados, retrata diversidade de etnias nas paredes de um antigo armazém na região da Zona Portuária, do Rio de Janeiro. Divulgação/Divulgação
Mural de Oscar Niemeyer feito por Eduardo Kobra em janeiro de 2013, no aniversário de São Paulo: artista busca patrocínio para restauro do mural localizado na Avenida Paulista.
Mural de Oscar Niemeyer feito por Eduardo Kobra em janeiro de 2013, no aniversário de São Paulo: artista busca patrocínio para restauro do mural localizado na Avenida Paulista. Alan Teixeira/Divulgação

+Assine a Vejinha a partir de 5,90

Welcome to Amazônia, mural de Kobra na Avenida Rebouças
“Welcome to Amazônia”, mural de Kobra na Avenida Rebouças. Divulgação/Divulgação

+Assine a Vejinha a partir de 5,90

No quilômetro 35 da Rodovia Castello Branco, painel Chocolate tem mais de 5 mil metros quadrados e é considerado um dos maiores do mundo.
No quilômetro 35 da Rodovia Castello Branco, painel Chocolate tem mais de 5 mil metros quadrados e é considerado um dos maiores do mundo. Giorgioglobe/Reprodução
Em Carrara, na Itália, mural de 12 metros de altura foi pintado a mil metros de altitude, em uma pedreira. O local é conhecido como o predileto do artista Michelangelo, que buscava ali o mármore utilizado em suas obras
Em Carrara, na Itália, mural de 12 metros de altura foi pintado a mil metros de altitude, em uma pedreira. O local é conhecido como o predileto do artista Michelangelo, que buscava ali o mármore utilizado em suas obras. Divulgação/Divulgação
Em Interlagos, mural registra momento icônico de Ayrton Senna.
Em Interlagos, mural registra momento icônico de Ayrton Senna. Divulgação/Divulgação
Cinco crianças em oração representam os cinco continentes do planeta e cinco religiões em obra de Kobra exposta em Itu, interior paulista.
Cinco crianças em oração representam os cinco continentes do planeta e cinco religiões em obra de Kobra exposta em Itu, interior paulista. Divulgação/Divulgação
Salvador Dalí, pintura de Kobra na fachada de centro cultural em Murcia, na Espanha.
Salvador Dalí, pintura de Kobra na fachada de centro cultural em Murcia, na Espanha. Divulgação/Divulgação
Releitura tridimensional de Mona Lisa, painel pintado por Eduardo Kobra no MIS Experience
Releitura tridimensional de Mona Lisa, painel pintado por Eduardo Kobra no MIS Experience, em 2019. Divulgação/Divulgação
Kobra assina homenagem às vítimas de tragédia no Líbano.
Kobra assina homenagem às vítimas de tragédia no Líbano. Divulgação/Divulgação

Publicado em VEJA São Paulo de 9 de dezembro de 2020, edição nº 2716.

+Assine a Vejinha a partir de 5,90

Continua após a publicidade
Publicidade