Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

Consulado de Portugal promove obras sustentáveis

Há tempos a diplomacia portuguesa ensaia um plano para reduzir o consumo de energia elétrica de suas sedes pelo mundo — e, com isso, os custos dessas operações. E qual lugar melhor para um projeto piloto se não a atual capital da crise hídrica? O majestoso consulado lusitano em São Paulo, de 5 000 metros quadrados, no Jardim América, ganhou painéis solares e terá cisternas no quintal, além de turbinas eólicas. […]

Por João Batista Jr. Atualizado em 26 fev 2017, 19h40 - Publicado em 12 dez 2014, 23h53
Lourenço: consulado sustentável (Foto: Fernando Moraes)

Lourenço: consulado sustentável (Foto: Fernando Moraes)

Há tempos a diplomacia portuguesa ensaia um plano para reduzir o consumo de energia elétrica de suas sedes pelo mundo — e, com isso, os custos dessas operações. E qual lugar melhor para um projeto piloto se não a atual capital da crise hídrica? O majestoso consulado lusitano em São Paulo, de 5 000 metros quadrados, no Jardim América, ganhou painéis solares e terá cisternas no quintal, além de turbinas eólicas. “Investimos 300 000 reais”, diz o cônsul Paulo Lopes Lourenço. Objetivo: diminuir em 30% o consumo de 150 000 kWh/ano. “O problema da falta de água nos fez acelerar a ideia, que depois deve ser replicada nos demais países.”

Publicidade