Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Terraço Paulistano Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.

O renascimento da Casa do Povo, no Bom Retiro

Dirigida pelo parisiense Benjamin Seroussi, a instituição aumentou o orçamento anual para quase 1 milhão de reais

Por Ana Carolina Soares Atualizado em 5 fev 2020, 14h04 - Publicado em 8 jun 2018, 06h00

No domingo (27), a Casa do Povo comemorou 65 anos. No palco da associação cultural subiu Caetano Veloso. “Ele doou seu cachê à instituição”, diz Benjamin Seroussi, diretor executivo do espaço, no Bom Retiro. Parisiense, o gestor entrou na associação em 2012.

Na época, o ponto, construído pela comunidade judaica, estava quase abandonado, com orçamento anual de 55 000 reais. Hoje, a verba subiu para quase 1 milhão de reais, e a entidade oferece cursos gratuitos, como dança e ídiche. O próximo passo de Seroussi é conseguir 10 milhões de reais para reformar o local, sem paralisar a programação.

  • Publicidade