Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Pergunte ao Doutor Por Blog

Quais exames devo fazer ao começar uma atividade física?

Na última sexta (22), o advogado Marco Accioly, de 26 anos, morreu após concluir uma corrida em Porto Seguro, na Bahia. A competição era uma meia maratona (21 quilômetros). Ele foi levado para o Hospital Luís Eduardo Magalhães no mesmo município, mas não resistiu às duas paradas cardiorrespiratórias que teve. Segundo relatos de amigos, embora o jovem […]

Por Mariana Oliveira Atualizado em 26 fev 2017, 12h17 - Publicado em 25 abr 2016, 13h06

exame-medicomenor

Na última sexta (22), o advogado Marco Accioly, de 26 anos, morreu após concluir uma corrida em Porto Seguro, na Bahia. A competição era uma meia maratona (21 quilômetros). Ele foi levado para o Hospital Luís Eduardo Magalhães no mesmo município, mas não resistiu às duas paradas cardiorrespiratórias que teve. Segundo relatos de amigos, embora o jovem não fosse um atleta profissional, ele havia se preparado para a prova e costumava praticar exercícios físicos diariamente, além de ter realizado exames cardiológicos há cerca de três meses.

acioly

Segundo o cardiologista do Hospital do Coração, Daniel Magnoni, essa bateria de exames necessária para se praticar um esporte varia conforme a idade de cada pessoa e o tipo de atividade que ela irá praticar. Confira abaixo quais são os testes necessários para se evitar problemas durante o esforço físico:

“Ao decidir começar uma atividade física, o primeiro passo é procurar um médico clínico geral ou um cardiologista. O profissional de saúde irá avaliar informações básicas como a idade, o sexo, o peso e a altura do paciente, assim como o histórico de acidentes pessoais e de atividades físicas praticadas ao longo da vida. A partir deste quadro, devem ser pedidos exames imprescindíveis como um teste ergométrico simples, além de avaliar a composição corpórea e verificar a situação dos músculos e das articulações. Este diagnóstico dirá se a pessoa está apta a praticar atividades mais usuais, como natação, corrida, bicicleta.

Continua após a publicidade

+ Qual é a hora de fazer uma maratona?

Quando o paciente já apresenta antecedentes que o levam a desconfiar de doenças cardiovasculares, deve-se complementar essa bateria de exames com o cardiopulmonar e um ecocardiograma. Com estes testes é possível avaliar se há riscos e quais os graus do perigo. Para esportes mais intensos também há um protocolo maior e mais sofisticado a seguir: através de exames de sangue é preciso avaliar como estão as funções renais e metabólicas e a diabetes, por exemplo.

+ A mulher está mais sujeita a doenças do coração do que o homem? Como se prevenir? 

Para pessoas de mais de 45 anos ou atletas de alto desempenho, recomenda-se que essa bateria de exames seja feita pelo menos uma vez por ano para que sejam evitados contusões ou problemas mais graves. Caso o paciente esteja em uma faixa etária menor ou pratique esportes mais leves, a avaliação pode ser refeita a cada dois anos.”

*O conteúdo deste post não substitui uma consulta médica. Procure sempre seu médico.

Continua após a publicidade
Publicidade