Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pergunte ao Doutor Por Blog

Devo me preocupar com o novo surto de H1N1 que atingiu algumas cidades do Brasil?

Perguntamos para o Dr. Otelo Rigato Junior, infectologista do hospital Sírio-Libanês, sobre o surto do vírus H1N1: Qual a gravidade deste novo surto de H1N1? Até o momento, tivemos 411 mortes por H1N1. É um número relativamente alto para um surto de gripe. No entanto, a taxa de mortalidade é de 0,22 por 100.000 habitantes, […]

Por VEJA SP Atualizado em 26 fev 2017, 12h02 - Publicado em 11 Maio 2016, 17h36

ABRE

Perguntamos para o Dr. Otelo Rigato Junior, infectologista do hospital Sírio-Libanês, sobre o surto do vírus H1N1:

Qual a gravidade deste novo surto de H1N1?

Até o momento, tivemos 411 mortes por H1N1. É um número relativamente alto para um surto de gripe. No entanto, a taxa de mortalidade é de 0,22 por 100.000 habitantes, relativamente baixa em comparação com outras doenças mais comuns, como diabetes ou doenças cardio-vasculares.

Devo me preocupar com a minha saúde?

Devemos nos preocupar na medida de que o vírus pode acometer qualquer indivíduo. No entanto, mais de 70% dos casos graves tinham algum fator de risco, o que torna até a gripe comum mais grave.

Mas, numa situação de surto ou epidemia, devemos fazer o possível para evitar a contaminação, como por exemplo tomar a vacina e evitar aglomerações humanas.

+ Chocolate pode causar uma crise de enxaqueca?
+ O que a cor do catarro diz sobre a sua saúde?
+ A vacina da gripe pode me deixar gripado?

Continua após a publicidade

Publicidade