Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Pergunte ao Doutor Por Blog

Comer chocolate pode favorecer o aparecimento de espinhas?

A dermatologista Brunna Borges, da Clínica MedPrimus São Paulo, tira essa dúvida

Por Sara Ferrari Atualizado em 24 jul 2017, 16h49 - Publicado em 24 jul 2017, 16h46

Vários fatores podem favorecer o surgimento de espinhas, como predisposição genética, falta de limpeza adequada da pele e alimentação desregrada. Isso inclui a ingestão de chocolates.

O que causa espinhas é a gordura e o açúcar. Como esse tipo de alimento é rico nesses ingredientes, consumi-lo em excesso pode desencadear, sim, o problema. “O tipo de chocolate consumido também influencia nesse processo”, explica Brunna Borges, dermatologista da Clínica MedPrimus São Paulo.

“Os brancos têm maior teor de gordura e açúcar. Por isso, tendem a agravar o quadro. O tipo meio amargo, por sua vez, possui menos açúcar e manteiga de cacau. Portanto, são menos prejudiciais”, complementa ela.

Segundo Brunna, tudo depende da quantidade ingerida. Comer chocolate sem exageros, independentemente do tipo, pode até trazer benefícios à saúde. “Esse item promove a sensação de bem-estar, pois libera um hormônio chamado serotonina, que está diretamente relacionado ao prazer e bom humor”, conclui.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade