Mooca passa por processo lento de revitalização de sua área industrial

Apesar de central, o pedaço continua com cara de subúrbio

Apesar da cara de subúrbio industrial, esta vasta área ocupada por galpões fica em um bairro bem central, a Mooca. Sua industrialização começou com a primeira ferrovia do país, entre Jundiaí e Santos, inaugurada em 1867. Proliferaram fábricas e vilas operárias pelo trajeto. Ao longo do século XX, no entanto, o transporte por trilhos foi sendo escanteado na capital, em favor do deslocamento rodoviário, tanto para passageiros como para cargas. Aos poucos, as indústrias foram abandonando os bairros próximos à antiga ferrovia. Hoje a região da Mooca passa por um processo lento de revitalização de seus velhos galpões, com algumas das construções abrigando novos usos.

Publicado em VEJA SÃO PAULO de 10 de abril de 2019, edição nº 2629.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s