Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

YouTuber pode pegar até 5 anos de prisão após gravar vídeo jogando Pokémon GO em igreja

O YouTuber russo Ruslan Sokolovsky, que tem mais de 290 000 inscritos em seu canal, pode pegar até cinco anos de prisão por ter gravado um vídeo jogando Pokémon GO dentro de igreja na cidade de Ecaterimburgo, na Rússia. De acordo com o jornal britânico The Guardian, um comitê de investigação publicou no sábado (3) uma nota onde diz […]

Por VEJASP Atualizado em 26 fev 2017, 10h25 - Publicado em 6 set 2016, 12h07

ABRE01

O YouTuber russo Ruslan Sokolovsky, que tem mais de 290 000 inscritos em seu canal, pode pegar até cinco anos de prisão por ter gravado um vídeo jogando Pokémon GO dentro de igreja na cidade de Ecaterimburgo, na Rússia. De acordo com o jornal britânico The Guardian, um comitê de investigação publicou no sábado (3) uma nota onde diz que o jovem, de 21 anos, é acusado de “incitar o ódio e ofender sensibilidades religiosas”.

+ Conheça Al Hussein bin Abdullah II, o Príncipe que está levando a web à loucura
+ 15 nomes que motéis da Grande São Paulo usam nas faturas do cartão de crédito

O vídeo, publicado pelo rapaz em 11 de Agosto, já tem mais de 1 milhão de visualizações. No registro, Ruslan afirma que não acha que jogar numa igreja seja proibido por lei e, por isso, acha que está seguro: “Como alguém pode ofender por entrar numa igreja com um smartphone?“, questiona. Assista: 

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=PfMn1yahGYk?feature=oembed&w=500&h=281%5D

Em seu perfil pessoal no Facebook, o prefeito da cidade russa, que tem 1,3 milhões de habitantes, classificou a prisão como uma “desgraça”: “Você não pode prender alguém por ser um idiota“, disse o político.

Dê sua opinião: E você, o que achou da decisão do comitê de investigação? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade