Clique e assine por apenas 5,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Suposto ex-marido diz que Thiago Salvático queria dinheiro de Gugu

Ele disse que mantinha relacionamento estável com dono de sorveterias

Por Redação VEJA São Paulo - 29 jun 2020, 15h33

Thiago Salvático negou envolvimento com Guilherme Stangherlin no último domingo (28) em seu perfil do Instagram. Depois de Thiago se apresentar como namorado do apresentador Gugu Liberato, falecido em 2019 por conta de um acidente doméstico, Stangherlin disse ter vivido uma vida conjugal com Salvático por quatro anos na Alemanha e que eles eram sócios nas sorveterias que têm no país.

+ Assine a Vejinha a partir de 6,90

O autointitulado namorado de Gugu chegou a pedir na Justiça o reconhecimento de união estável com o apresentador, mas desistiu da ação na mesma semana em que o colunista Léo Dias publicou que Guilherme era o verdadeiro marido de Salvático. Se a união fosse reconhecida, Salvático poderia ter direito à herança de Gugu. “Está claríssimo para mim que ele estava atrás do dinheiro do Gugu”, disse Starngherlin em entrevista a Léo Dias.

De acordo com Salvático, ele e o apresentador viviam uma união estável desde 2016 por meio de um acordo verbal. Além do reconhecimento da relação, ele pediu uma indenização de 100 mil reais e que as contas dos processos ficassem por conta dos réus, que no caso seriam os filhos, irmãos, sobrinhos e a mãe de Gugu. O motivo da desistência, segundo o documento entregue pela defesa de Salvático, seria de “foro íntimo”, ou seja, quando determinado assunto diz respeito à própria consciência e não precisa ser compartilhado.

Em uma sequência de stories no Instagram, Salvático afirmou que Guilherme foi apenas um funcionário de uma de suas sorveterias e que nunca manteve um relacionamento amoroso com ele. “Eu gostaria de esclarecer que eu nunca fui casado ou mantive união estável com a pessoa que tem se apresentado como meu marido. Trata-se de um sujeito que trabalhava por temporadas nas minhas sorveterias aqui na Alemanha”, publicou Salvático.

O dono das sorveterias ainda explicou que se manteve em silêncio sobre a polêmica até o momento por conta das orientações de seus advogados que estão apurando o caso e lançou um desafio a Léo Dias: “Se esse sujeito comprovar na Justiça que fui casado com ele, como você afirmou, eu farei uma doação de 100 mil reais a uma instituição de caridade indicada por você. Se ele não provar, você terá que fazer a doação à Casa Guido, instituição que atende crianças com câncer na cidade de Criciúma, Santa Catarina”.

+ OUÇA O PODCAST Jornada da Calma

Continua após a publicidade
Publicidade