Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Pedro Bial relembra depressão: “Não é de uma hora para a outra”

O apresentador, que comandou o "Big Brother Brasil" por 16 anos, também confessou ser ansioso

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 28 mar 2019, 15h59 - Publicado em 28 mar 2019, 15h31

Pedro Bial relembrou sua depressão em bate-papo no YouTube para o canal “Pingue-Pongue com Bonfá”. O apresentador, que comandou o Big Brother Brasil por 16 anos, também confessou ser ansioso: “Mas procuro canalizar minha ansiedade para o trabalho, botar essa energia para andar. Mas tenho que lidar diariamente com a minha ansiedade, de ‘estar aqui’. O que não é muito fácil, porque nós nunca estamos onde nós estamos. A cabeça está sempre lembrando de alguma coisa ou projetando”, disse.

O apresentador da TV Globo também relembrou sua depressão, doença que enfrentou na virada do século, mas que conseguiu superar com a ajuda de psicanalistas, psiquiatra e medicamentos. “Eu vejo uns sinais de depressão aparecendo, já tomo algumas medidas”, revelou Pedro Bial.

“As coisas que as pessoas falam para os deprimidos são muito infelizes, depressão não é frescura. A minha fase crítica durou uns seis meses, mas o processo todo quase dois anos, entre cair e levantar. Não é de uma hora para a outra”. Assista: 

Dê sua opinião: E você, o que achou do bate-papo com Pedro Bial? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

Continua após a publicidade
Publicidade