Clique e assine por apenas 5,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Nove golpe de motoristas do Uber chama atenção na internet

O Miami Herald, que conversou com passageiros que foram vítimas do novo esquema, revela como funciona a "novidade"

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 5 fev 2020, 13h55 - Publicado em 24 jul 2018, 16h35

Um golpe de motoristas de Uber está chamando atenção na mídia internacional: a “fraude do vômito” pode custar ainda mais dinheiro aos passageiros que usam o aplicativo. O jornal Miami Herald, que conversou com consumidores que foram vítimas do esquema, revelou como funciona a “novidade”.

Funciona assim: depois de encerrar uma corrida, o motorista faz um boletim fraudulento reportando que o passageiro vomitou no carro. O profissional pode ainda enviar cliques falsos do “acidente”, para embasar as acusações. O passageiro só saberá o que aconteceu ao ver a cobrança do cartão de crédito: a taxa para a limpeza do veículo varia de 80 a 150 dólares nos Estados Unidos, que são cobrados do cliente.

No “esquema”, os motoristas reportam um vômito falso para embolar o valor da taxa de limpeza e, assim, faturar mais com as corridas. Um passageiro, William Kennedy, revelou que sofreu o golpe duas vezes na mesma noite: “Foi uma fraude total de dois motoristas diferentes. Eles têm tudo planejado”, desabafou.

Apesar da polêmica, muitos motoristas do Uber não são contra a prática: “Eu já apliquei esse golpe com sucesso em muitos passageiros que são rudes, batem as minhas portas ou me deixam esperando por tempo demais. Faz com que eles aprendam da maneira difícil”, escreveu um profissional no reddit, rede social. “Com tantos passageiros dizendo que motoristas de Uber estão bêbados enquanto dirigem, eu nem acredito que os motoristas finalmente possam ter revanche”, apontou outro. “Eu acredito que esses babacas contestando as cobranças nem se lembram do que aconteceu. Eu já tive três passageiros contestando a taxa de limpeza e negando que fizeram qualquer coisa até que eu mandasse as fotos”, desabafou outro.

Ou seja, alguns motoristas do Uber aplicam o golpe como “vingança” contra passageiros rudes. Outros, já acreditam que a culpa é dos passageiros que estão bêbados demais para lembrar o que aconteceu numa noite de festança. De qualquer maneira, não se esqueça de checar as cobranças do Uber no seu cartão de crédito — ou você pode ser surpreendido por uma cobrança infeliz no fim do mês.

As informações são do Mashable.

Dê sua opinião: E você, o que achou do novo golpe dos motoristas do Uber? Deixe seu comentário e aproveite para curtir a nossa fanpage no Facebook!

Continua após a publicidade
Publicidade