Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Mulher reencontra em Taiwan câmera que foi perdida no Japão em 2015

O aparelho foi encontrado por um professor de ensino fundamental e seus alunos do 5º ano após uma excursão para fazer uma limpeza na praia

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 3 abr 2018, 18h29 - Publicado em 3 abr 2018, 17h52

Na semana passada, Park Lee, um professor do ensino fundamental em Yilan, Taiwan, levou seus alunos do 5º ano para fazer uma limpeza na praia. Enquanto os estudantes cumpriam a tarefa, uma criança encontrou uma câmera fotográfica à prova d’água coberta por cirrípedes. Eles abriram a capinha que protegia o equipamento e encontraram uma câmera digital que, surpreendentemente, estava intacta.

Professor e alunos estavam incertos sobre se deveriam vasculhar as fotos do aparelho. Depois de muita discussão, o grupo decidiu que os cliques poderiam dar algumas dicas sobre a pessoa que perdeu a câmera. Eles viram os registros e descobriram que a última foto foi feita debaixo da água, em setembro de 2015. O dono do equipamento provavelmente a perdeu durante uma aula de mergulho. Eles também chegaram à conclusão que a câmera pertencia a alguém de nacionalidade japonesa ou que tenha passado algum tempo na Ilha Ishigaki, em Okinawa.

Park, então, publicou os cliques em seu perfil no Facebook, pedindo para que amigos ajudassem seus alunos a encontrar o dono da câmera. A publicação foi compartilhada mais de 13 000 vezes. Ao BuzzFeed, o professor disse que foi surpreendido pela agilidade da viralização: “Recebi inúmeras mensagens de pessoas do Taiwan e do Japão que queriam ajudar a encontrar o dono da câmera“. No dia seguinte à publicação, Park recebeu o e-mail de um amigo japonês pedindo para que ele visse seu e-mail. Após apenas 24 horas, internautas promoveram o reencontro entre o dono e sua câmera. Confira: 

Continua após a publicidade

(特別聲明:尋找相機的任務已經完成了!我們很神奇的找到主人了!所以下面的故事,歡迎您的分享,但是不用再幫我們尋找相機主人了喔~)大海漂來的相機,有可能找到主人嗎?今天岳明國小全校總動員,一起到蘇澳港邊里海邊(無尾港海灘)撿拾垃圾淨…

Posted by Park Lee on Monday, March 26, 2018

O aparelho pertence a Serina Tsubakihara, uma universitária de 21 anos de idade que está estudando inglês em Tóquio. Após a repercussão da história, a jovem revelou que perdeu a câmera enquanto estava fazendo aulas de mergulho com amigos na Ilha de Ishigaki, em Okinawa, em 2015, e que as fotos mostram a mulher e os colegas aproveitando o fundo do mar. Um dos amigos de Serina ficou sem ar durante o passeio e precisou pegar o tanque de oxigênio da jovem antes de subir à superfície. No meio da confusão, a estudante acabou perdendo a câmera. Ela chegou a retornar ao local do mergulho para procurar pelo equipamento, que tinha ganho de presente dos pais, não conseguiu encontrá-lo: “Eu achei que tinha perdido a câmera para sempre“, ela contou ao BuzzFeed

Na quarta (28), ela recebeu a mensagem de um amigo revelando que, após quase três anos, a câmera havia sido encontrada em Taiwan. “Foi muito surpreendente“, revelou a jovem. “Eu não conseguia acreditar no que estava acontecendo“. Em seu Facebook, a mulher mandou um recado após a feliz coincidência: “Tenho muita sorte por ter uma experiência tão maravilhosa com a bondade das pessoas“.

Eu estava confiante que nós encontraríamos o dono, mas não fazia ideia de que isso aconteceria tão rapidamente“, comentou Park sobre a experiência. Desde o reencontro, Serina conversou com o professor e alunos em uma chamada de vídeo e irá até Taiwan no final do ano para recuperar a câmera pessoalmente — além de agradecer as crianças e Park.

Dê sua opinião: E você, o que achou da história curiosa? Deixe seu comentário e aproveite para curtir a nossa fanpage no Facebook!

Continua após a publicidade

Publicidade