Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Mulher “altera” trajeto de aeronave após descobrir traição

Segundo relatos de outros passageiros, a esposa não apenas bateu no marido, como também tratou mal integrantes da tripulação que tentaram acalmá-la

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 7 nov 2017, 13h05 - Publicado em 7 nov 2017, 12h27

A discussão de um casal iraniano dentro de um voo da Qatar Airways foi tão intensa, que a aeronave precisou desviar do trajeto Doha-Bali para Chennai, no sul da Índia. O caso aconteceu no domingo (5). A briga teria acontecido após a mulher, que apresentava sinais de embriaguez, aproveitar um cochilo do marido para vasculhar o smartphone do homem.

  • A passageira desbloqueou o celular do companheiro usando a digital do marido. Ao vasculhar os arquivos do aparelho, ela teria descoberto uma traição. Descontrolada, ela começou a agredi-lo. Segundo relatos de outros viajantes da aeronave, a mulher não apenas bateu no homem, como também tratou mal integrantes da tripulação que tentaram acalmá-la. Ao perceber que a situação estava fora de controle, os pilotos da aeronave mudaram a trajetória do avião.

    View this post on Instagram

    Qatar Airways has entered into an agreement to purchase 378 Million shares of one of the industry's strongest airlines & our fellow oneworld member Cathay Pacific. The investment with Cathay Pacific supports our strategy which already includes 20% investment in IAG, 10% in LATAM Airlines Group and 49% in Meridiana. #QatarAirways #GoingPlacesTogether

    A post shared by Qatar Airways (@qatarairways) on

    Dados divulgados pela empresa área e obtidos pelo jornal local The Times of India revelam que, após o pouso em Chennai, o marido, a mulher e o filho do casal desembarcaram na cidade indiana. Após a parada de emergência, a aeronave retomou à rota original, seguindo até Bali. Já a família precisou embarcar em um voo para Kuala Lumpur, seguindo, em conexão, de volta até Doha. 

    Dê sua opinião: E você, o que achou da história? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook.

    Continua após a publicidade
    Publicidade