Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Em desabafo, miss revela por que decidiu devolver a coroa

"Nós não sabemos quando o nosso tempo na Terra chegará ao fim, então ame-se, coma um pouco de bolo de vez em quando e ria até a sua barriga doer"

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 1 set 2017, 18h48 - Publicado em 1 set 2017, 18h40

Zoiey Smale, de 28 anos de idade, teve uma bem sucedida carreira em concursos de beleza. Não à toa, a jovem foi coroada como a Miss Reino Unido. Recentemente, no entanto, a modelo decidiu devolver seu título. O motivo ela explicou em um poderoso desabafo publicado no dia 21 de agosto que já tem mais de 400 reações — e chamou atenção nas redes sociais.

A mulher, que veste um tamanho 10 nos Estados Unidos, equivalente ao 38 no Brasil, começa a mensagem falando sobre os concursos de beleza: “Me choca mais do que qualquer coisa que ainda haja concursos que aceitam apenas meninas que vestem tamanho 34 como modelo para outras mulheres. Deixe-me contar uma coisa: nós somos mais do que um número na etiqueta de uma roupa. Rainhas de verdade empoderam outras mulheres, são inteligentes e ajudam comunidades, juntas“, escreveu.

 “Estou na indústria há mais de 10 anos e já vi de tudo. De competições incríveis a diretores de concursos praticando bullying com aspirantes à competidoras, querendo que jovens garotas acreditem que a única maneira de ser bem sucedida é se você for magra. Eu estou falando com experiência em primeira mão, já que oito anos atrás eu fui uma dessas garotas.”

“Essas falsas competições que dizem que são desfiles. E, mesmo assim, insistem que você coma menos, que use um biquíni por alguns dias e que se sente ao lado de um homem no jantar, enquanto você fica rodando uma única azeitona no prato. Querida, deixa eu te contar uma coisa, isso não é uma competição. Eu fui chamada de ‘gorda’ porque eu vestia um manequim 38. Eu acreditei que era nojenta e que ninguém jamais me amaria. O quão triste é isso?

Na sequência, Zoiey explica como decidiu sair da “aposentadoria” para participar de mais uma competição e ficou muito feliz ao ser coroada miss no Reino Unido: “Após sair da minha ‘aposentadoria’ para uma última competição de miss, eu ganhei mais uma competição nacional. Era para ser uma experiência positiva, já que os desfiles mudaram muito de formato na última década. Eu adoro ver rainhas no meu Facebook, promovendo trabalhos como caridade, estudando, comendo bem e aproveitando a vida. Essas mulheres sabem como é difícil ser uma miss e manter uma vida normal. Eu fico entristecida ao saber que, mesmo agora, ainda existem diretores de concursos que acreditam que você precisa ser magra para ser bonita“.

Continua após a publicidade

Ela, então, revela: “Eu me retirei após um pedido para que eu perdesse peso e entrasse em uma dieta para uma competição internacional. Alguns de vocês podem pensar que eu fui covarde. No entanto, eu não acho que seja certo que o meu rosto represente um concurso que eu não acredito. Eu devolverei a minha coroa e desejo que a nova miss que me substituirá tenha toda a sorte do mundo“. Confira: 

Eu me amo e não vou mudar por ninguém. O meu corpo me carrega há mais de vinte anos nesta Terra, permitindo que eu tenha uma carreira que me deixa orgulhosa, tenha um filho e, a melhor parte, o meu corpo nunca desistiu de mim. Eu tive experiências maravilhosas durante as minhas participações na indústria dos concursos e fiz amigos e memórias para a vida toda. No entanto, eu não acredito que ninguém possa te manipular ou diminuir o seu brilho“, escreveu.

  • Se uma competição não quer usar as minhas capacidades porque eu visto 38, então o problema é deles. Eu quero agradecer todos os meus patrocinadores e quem me apoio durante o meu retorno. Nós pelo menos conseguimos angariar dinheiro para a caridade para fazer a diferença na vida de outras pessoas. Eu estou muito orgulhosa do que conseguimos coletivamente. Eu não estou aqui para apontar dedos e envergonhar pessoas, mas eu queria ser honesta com vocês do por que eu não irei participar dos desfiles“.

    A jovem, então, envia uma mensagem à outras mulheres: “Nós não sabemos quando o nosso tempo na Terra chegará ao fim, então ame-se, coma um pouco de bolo de vez em quando e ria até a sua barriga doer“.

    Dê sua opinião: E você, o que achou da história de Zoiey Smale? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

    Continua após a publicidade
    Publicidade