Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Menino de 3 anos de idade surpreende família ao salvar pai diabético de um coma

O pequeno Lenny-George, de apenas 3 anos de idade, foi o responsável por um feito inacreditável: salvar a vida de seu pai. Mark Jones, de 34 anos de idade, entrou num coma diabético após o nível de açúcar do seu sangue cair drasticamente. Após ver a cena, o menino não pensou duas vezes: foi até a geladeira e […]

Por VEJASP Atualizado em 25 fev 2017, 21h09 - Publicado em 22 nov 2016, 15h25

ABRE02

O pequeno Lenny-George, de apenas 3 anos de idade, foi o responsável por um feito inacreditável: salvar a vida de seu pai. Mark Jones, de 34 anos de idade, entrou num coma diabético após o nível de açúcar do seu sangue cair drasticamente. Após ver a cena, o menino não pensou duas vezes: foi até a geladeira e pegou duas embalagens de iogurte, forçando o alimento pela boca do adulto.

+ Jovem de 27 anos será a primeira mulher a visitar todos os 196 países do mundo
+ Na Indonésia, gato não abandona túmulo da dona há um ano e comove a internet

Lenny-George usou uma cadeira para chegar até a maçaneta da geladeira. Na sequência, a criança foi até a sua cozinha de brinquedo e, com uma faca de brinquedo, conseguiu alcançar a gaveta com colheres e utensílios de verdade. Ele usou uma colher para alimentar o pai, que estava desmaiado no chão da cozinha, até que o rapaz redobrasse a consciência e conseguisse tomar suas pastilhas de glucose.

A mãe da família, Emma, de 31 anos de idade, disse ao The Daily Mail que ela não poderia estar mais orgulhosa de seu filho. A mulher também afirma que a situação poderia ter sido muito diferente se o menino não tivesse pensado com rapidez: “Ele salvou a vida dele. Mark tem diabetes tipo 1 e precisa tomar insulina quatro vezes por dia. Eu fui até a minha mãe, que mora na esquina de casa, e fiquei fora por trinta minutos e, quando cheguei, eles estavam deitados no sofá. Mark não parecia muito bem, então eu perguntei se tudo tinha dado certo“.

Continua após a publicidade

01

O Lenny olhou para mim e disse ‘eu salvei o papai’. Ele conseguiu alimentar Mark o suficiente para aumentar seus níveis de açúcar. Seria um cenário completamente diferente se ele estivesse na cama, ou Lenny não tivesse feito o que ele fez. Ele poderia ter entrado em coma diabético“, desabafou a mulher.

Pessoas com diabetes podem entrar em coma se os níveis de glucose no sangue caem repentinamente (hipoglicemia) ou sobem repentinamente (hiperglicemia). Se não for tratado, o coma diabético pode ser fatal. A maioria dos pacientes apresentam sintomas antes destas quedas ou aumentos repentinos, mas alguns não recebem nenhum aviso prévio: no caso de Mark, por exemplo. Quando ele acordou no chão da cozinha, seus níveis deriam estar em 1.1, quando o certo seria estar entre 4 e 7. O mais surpreende? A família nunca explicou a situação do rapaz para o pequeno Lenny: “Ele deve ter me visto buscando comida na geladeira quando Mark estava mal“, opina Emma.

Ele é uma criança muito gentil e prestativa. Seu irmão mais velho, Oliver, que tem oito anos de idade, tem muita dificuldade de aprendizado e ele está sendo ótimo com ele. Mas ele também tem um lado bagunceiro, uma criança correndo e nunca ouvindo a sua mãe — e é por isso que é ainda mais incrível que ele tenha feito o que fez“, revelou a mamãe orgulhosa.

Dê sua opinião: E você, o que achou da impressionante história? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade