Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Comentário do músico Roger, do Ultraje a Rigor, sobre ciclovia carioca provoca polêmica nas redes sociais

O desabamento de uma ciclovia no Rio de Janeiro provocou comoção nas redes sociais na última quinta (21) — no entanto, alguns internautas usaram as redes sociais para levantar questões no mínimo duvidosas sobre o acidente: foi o caso de Roger, o vocalista e guitarrista da banda paulistana Ultraje a Rigor. + Chris Hemsworth surpreende jovem que […]

Por Tatiane Rosset Atualizado em 26 fev 2017, 12h16 - Publicado em 26 abr 2016, 11h31

ABRE02

O desabamento de uma ciclovia no Rio de Janeiro provocou comoção nas redes sociais na última quinta (21) — no entanto, alguns internautas usaram as redes sociais para levantar questões no mínimo duvidosas sobre o acidente: foi o caso de Roger, o vocalista e guitarrista da banda paulistana Ultraje a Rigor.

+ Chris Hemsworth surpreende jovem que encontrou sua carteira com presente
+ Príncipe William e Harry visitam o set de Star Wars e se divertem como nunca

O músico, conhecido por suas opiniões fortes (e muitas vezes polêmicas) publicou em sua conta oficial no Twitter um questionamento sobre o acidente: “Não quero culpar ou desculpar ninguém, mas os próprios ciclistas não viram a ressaca?“, questionou. Confira: 

Para muitos, o comentário de Roger parecia irônico — mas, questionado por alguns seguidores, o músico reafirmou o ponto de vista. Não demorou muito para que a indagação provocasse revolta na internet. Muitos usuários da rede social usaram o “não quero culpar ou desculpar ninguém” para fazer piada com a opinião de Roger. Confira os comentários: 

Já outros usuários foram rápidos ao fazer o paralelo com a opinião do músico sobre duas ciclovias distintas: a do Rio de Janeiro e a de São Paulo, feita durante a gestão do prefeito Fernando Haddad (PT). Confira: 

Inaugurado em janeiro de 2016, a ciclovia Tim Maia custou aos cofres do Rio de Janeiro quase 45 milhões de reais e faz parte das obras para as Olimpíadas, que acontecem em agosto de 2016 — de acordo com especialistas, o desabamento foi provocado por uma falha no projeto e duas pessoas morreram no acidente.

Dê sua opinião: E você, o que achou do questionamento de Roger? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade