Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Cadela é resgatada após viver a vida inteira em gaiola no porão

"Ela era muito pequena, parecia uma criatura indefesa", contou uma das responsáveis pelo resgate da mascote, que nunca viu o sol ou tocou a grama

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 16 Maio 2017, 19h14 - Publicado em 16 Maio 2017, 19h08

O simpático B.B. é um filhote de poodle que passou sua vida inteira trancafiado numa pequena gaiola num porão. Ele fazia parte de um criadouro clandestino na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, que foi descoberto pela Sociedade Humanitária dos Estados Unidos em setembro de 2016. Especialistas perceberam que a cachorra é o fruto de inúmeras procriações: “Ela era muito pequena, parecia uma criatura indefesa“, contou Jessica Lauginiger ao The Dodo.

Após ser resgatada, a cadelinha foi enviada ao hospital veterinário, onde chamou a atenção de Brenda Tortoreo, que trabalha na instituição como recepcionista: “B.B. estava num canto. Ela estava num estado lamentável. Estava com medo de tudo. E eu disse: ‘É ela que vou levar para casa’“. O problema? Como ela passou sua vida inteira numa gaiola, no escuro, a mascote parecia confusa ao chegar na casa de sua nova dona: “Eu a coloquei no chão e ela continuou andando em círculos, não correndo, apenas caminhando. Acho que isso era tudo que ela sabia fazer“.

Continua após a publicidade

Ela não sabia o que era o sol e nunca tinha corrido na grama, ela morria de medo“, contou Brenda sobre a fase de adaptação da cadelinha. Aos poucos, no entanto, a B.B. começou a se acostumar com sua nova vida: “Agora, ela corre pela casa inteira. Ela realmente saiu de seu casulo, é a minha princesinha“, contou a dona, orgulhosa.

As informações são do site Bored Panda.

  • Dê sua opinião: E você, o que achou da história de B.B.? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook!

    Continua após a publicidade
    Publicidade