Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

“Fere e machuca”, diz Gagliasso sobre críticas após gravidez de Ewbank

Casal falou sobre mensagens que está recebendo no Instagram após revelarem gestação. Saiba mais

Por Redação VEJA São Paulo - 3 fev 2020, 17h24

Giovanna Ewbank anunciou em dezembro do ano passado que ela, Bruno Gagliasso e os filhos Titi e Bless esperam uma nova companhia em casa: a atriz está grávida de um menino. “Fomos pegos de surpresa e a ficha ainda está caindo”, disse na época, após postar uma foto de toda a família segurando sua barriga.

Nesta segunda-feira (3), Gagliasso compartilhou um trecho da entrevista que o casal deu para a última edição da revista GQ Brasil. Segundo o ator, desde que a gravidez foi anunciada a dupla tem ouvido muitos comentários desagradáveis nas redes sociais sobre a vinda do primeiro filho biológico.

Gagliasso afirmou que muitas pessoas vem afirmando que a criança seria uma “recompensa” pela adoção de Titi e Bless, que são do Malawi. “Agora a gente tem ouvido bastante e se incomodado muito com a ideia de que esse bebê é uma recompensa. Que recompensa? Adotar não é uma caridade e as pessoas confundem muito. E isso fere, machuca”, afirmou o ator para a revista.

Confira o post que foi compartilhado no Instagram:

View this post on Instagram

Na @gqbrasil desse mês: “Agora a gente tem ouvido bastante e se incomodado muito com a ideia de que esse bebê é uma recompensa. Que recompensa? Adotar não é uma caridade e as pessoas confundem muito. E isso fere, machuca.”

A post shared by Bruno Gagliasso 🐺⚡️🌳🌻 (@brunogagliasso) on

 

Continua após a publicidade
Publicidade