Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Alexandre Garcia provoca polêmica com tuíte sobre feminicídio

Jornalista recebeu uma enxurrada de críticas após comentário na rede social

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 25 fev 2017, 20h07 - Publicado em 2 fev 2017, 12h51

Um tuíte do apresentador Alexandre Garcia publicado nesta quinta (2) vem provocando polêmica nas redes sociais. O comentarista da Globo questionou a expressão ‘feminicídio‘, usada para designar crime contra mulheres em razão do gênero, e foi criticado por internautas.

“Feminicídio’ é invenção de quem pensa que homicídio é matar homi’, escreveu o jornalista. Confira o tuíte:

Os comentários foram muitos: “O que será que o @alexandregarcia fazia antes de passar vergonha na internet?”, afirmou um. “Cancela o feminismo porque esse homem destruiu uma ciência inteira com essa afirmativa”, disse outro.

Alexandre decidiu responder o comentário de uma seguidora que decidiu explicar o termo: “Não, feminicídio é o nome dado ao assassinato das mulheres por serem mulheres, seja por estar em posição vulnerável ou por se opor a um homi”, ela escreveu.

Alexandre, então, retrucou: “Me ajude, então: assassinato de homem vulnerável seria ‘androcídio’? Mas homicídio não é matar primata do gênero humano, da espécie homo sapiens – não importa o sexo? Ou a biologia já sanciona ‘mulher sapiens’?”

Concorda com o jornalista? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade