Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

A vizinhança de Mark Zuckerberg está em pé de guerra com o dono do Facebook

Os moradores da área onde fica a casa de 10 milhões de dólares de Mark Zuckerberg em São Francisco, nos Estados Unidos, se uniram contra o dono do Facebook. O motivo: os cuidados “exagerados” com segurança que o empresário todo-poderoso vem tomando. + Rapaz faz tatuagem constrangedora e não consegue removê-la Zuckerberg é o motivo […]

Por VEJASP Atualizado em 26 fev 2017, 13h37 - Publicado em 14 jan 2016, 10h57

mark

Os moradores da área onde fica a casa de 10 milhões de dólares de Mark Zuckerberg em São Francisco, nos Estados Unidos, se uniram contra o dono do Facebook. O motivo: os cuidados “exagerados” com segurança que o empresário todo-poderoso vem tomando.

+ Rapaz faz tatuagem constrangedora e não consegue removê-la

Zuckerberg é o motivo de uma carta assinada pela vizinhança pedindo para que todos os moradores se unam e denunciem a equipe de segurança do bilionário. Segundo eles, os guarda-costas deixam os carros estacionados de maneira irregular em áreas de uso público.

zuck

Na carta, os moradores afirmam que “todos sabem o quanto é incômodo morar próximo ao Zuck”. Além das questões de segurança, apontam uma série de problemas enfrentados durante a construção da mansão: barulho, lixo, obstrução de vias e, novamente, estacionamentos irregulares. Em um trecho da carta, apontam que, para erguer a construção, a casa de um homem de 62 anos teria sido desapropriada, deixando-o sem lar. O site americano Buzzfeed divulgou cópia do documento:

markvizinhos

Em comunicado à imprensa, Zuckerberg informou que os carros dos seguranças estão estacionados “de acordo com a lei”. Os moradores, no entanto, não ficaram satisfeitos e pretendem encaminhar uma queixa formal à Agência Municipal de Transportes de São Francisco. E protestar nas redes sociais, claro.

Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade