Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Na Plateia Tudo sobre teatro

Peça fala sobre obstáculos enfrentados por vítimas de violência doméstica

Cascavel tem texto escrito pela inglesa Catrina McHugh e pode ser visto gratuitamente

Por Maria Alice Prado Atualizado em 6 ago 2021, 14h11 - Publicado em 6 ago 2021, 06h00

Cascavel foi escrita pela inglesa Catrina McHugh para colocar em cena a violência doméstica. Na história dirigida por Sérgio Ferrara e gravada previamente, Suzy (Fernanda Heras) e Jen (Carol Cezar) foram violentadas por James (a dupla de atrizes também se desdobra na pele do abusador). elas trocam relatos sobre os mais diversos tipos de repressão e manipulação que sofreram nas mãos dele.

Fato curioso é que a trama foi originalmente desenvolvida como parte de um programa de treinamento para aumentar a conscientização de policiais da cidade de Durham, no nordeste da Inglaterra, sobre o feminicídio (50min). 14 anos.

Ingressos pelo Sympla (sympla.com.br). Grátis. Até 22 de agosto.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Publicado em VEJA São Paulo de 11 de agosto de 2021, edição nº 2750

  • Continua após a publicidade
    Publicidade