Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Randômicas Por Juliene Moretti Tudo sobre música, clipes, entrevistas e novidades dos shows.

Versos e fotos: Racionais ganha exposição no centro

Até o dia 11 de junho, o Red Bull Station faz uma mostra com mais de 3 000 imagens do grupo, desde o início da carreira

Por Juliene Moretti 30 Maio 2017, 19h17

O grupo paulistano Racionais MC’s é tema de uma exposição que ocorre até o próximo dia 11 no espaço cultural Red Bull Station, na Praça da Bandeira, no centro. Por ali, 3 500 imagens, selecionadas pelos próprios integrantes, serão exibidas em formato impresso ou por meio de projeções digitais. Entre os registros estão alguns dos primeiros shows, ensaios e encontros da banda. Responsável por popularizar o rap na cena musical do país, o Racionais foi formado no início dos anos 80. Moradores do Capão Redondo, na Zona Sul, os primos Mano Brown e Ice Blue conheceram a dupla KL Jay e Edi Rock, ambos do Tucuruvi, na Zona Norte, após uma apresentação desses dois últimos no centro. O quarteto se reuniu então no Largo São Bento para discutir as diretrizes e escolher um nome para o projeto. Ganhou a homenagem ao trabalho Racional, de Tim Maia.

Os anos iniciais do grupo foram dedicados a shows na periferia da capital até que, em 1991, chamaram a atenção da imprensa após abrirem para a lendária banda americana Public Enemy. O estrelato, no entanto, demorou mais alguns anos para chegar. Em 1997, os quatro voltaram ao Largo São Bento para o ensaio fotográfico do lançamento do álbum Sobrevivendo ao Inferno, que lhes deu projeção nacional. O grande sucesso era a música Diário de um Detento, relato verídico de um ex-detento que sobreviveu ao massacre do Carandiru, em 1992. O clipe, um minidocumentário de oito minutos, foi filmado dentro do presídio tendo os próprios detentos como figurantes. O vídeo foi o primeiro do rap a ser transmitido maciçamente e em horário nobre na MTV e conquistou os prêmios de melhor do gênero e de escolha da audiência no Vídeo Music Brasil de 1998.

Publicidade