Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Randômicas Por Juliene Moretti Tudo sobre música, clipes, entrevistas e novidades dos shows.

Kiss & Fly reabre na cidade. Venha ver onde será

Há dez anos,  casas noturnas badaladas nos Estados Unidos e Europa desembarcaram por aqui, arrastando os jovens de carteiras recheadas para as noitadas de música eletrônica e hip-hop. Pacha, Pink Elephank, Mokaï e Kiss & Fly foram algumas das grifes que marcaram a época. Aos poucos, cada uma delas foi reduzindo o público e, por […]

Por Juliene Moretti Atualizado em 26 fev 2017, 12h22 - Publicado em 8 jun 2016, 20h06
Croqui: fachada da nova Kiss & Fly (foto: divulgação)

Croqui: fachada da nova Kiss & Fly (foto: divulgação)

Há dez anos,  casas noturnas badaladas nos Estados Unidos e Europa desembarcaram por aqui, arrastando os jovens de carteiras recheadas para as noitadas de música eletrônica e hip-hop. Pacha, Pink Elephank, Mokaï e Kiss & Fly foram algumas das grifes que marcaram a época. Aos poucos, cada uma delas foi reduzindo o público e, por fim, fecharam as portas.

+ Nascimento e morte de uma balada

A Kiss & Fly, lá na Villa Daslu, encerrou as atividades em dezembro de 2011. Ainda que uma ou outra pop-up apareça nas temporadas (Guarujá no verão e Campos do Jordão no inverno), a original mesmo estava adormecida. Bem, até este momento.

+ Projeto revive duas baladas dos anos 90

A partir desta quinta (9), a casa noturna retorna às atividades com algumas novidades. A primeira delas (e talvez a mais marcante) é o endereço. Diferente da primeira e longe do burburinho noturno paulistano, o espaço abre as portas na Zona Norte, na Avenida Luiz Dumont Villares, 655, em Santana.

Continua após a publicidade

Nova Kiss & Fly: croqui da área de camarotes (foto: divulgação)

Nova Kiss & Fly: croqui da área de camarotes (foto: divulgação)

No salão de 800 metros quadrados, o clube está divido em dois andares, para 700 pessoas, com direito a fragrância elaborada para o local. Ao todo são seis camarotes, sendo cinco deles para até dez pessoas. O outro foi batizado de king, que comporta até vinte clientes. O projeto artístico é de Rudolf Piper, um dos “papas” das casas noturnas paulistanas, que também participou da primeira fase do espaço. Um dos itens essenciais da decoração da casa, o lustre, também estará lá. Com impressionantes 2,2 metros de largura por 2,2 metros de altura, ele tem 1800 cristais egípcios Asfour.

Primeira Kiss & Fly em São Paulo e o lustre luxuoso: funcionou na Villa Daslu entre 2010 e 2011

Primeira Kiss & Fly em São Paulo e o lustre luxuoso: funcionou na Villa Daslu entre 2010 e 2011

Antes de encarar a noitada, a casa abre para happy hours, num lounge de pé-direito triplo e fachada inteira de vidro, com cardápio de petiscos e drinques.

No som, a K&F irá privilegiar a música eletrônica, com house, deep house e EDM, e o hip-hop, com curadoria do DJ Lucky. Na noite de estreia, a cantora Ludmilla é a convidada no palco. Já no sábado (11), quem agita os baladeiros é o DJ Chubby Chub, com sets de black music.

Kiss & Fly. Avenida Luiz Dummont Villares, 655, 4371-9688, Santana. Lounge: 17h/0h (seg. a sáb.); clube: 23h30/até o último cliente (qui. e sáb.). R$ 50,00 a R$ 150,00.

Continua após a publicidade

Publicidade